A origem dos algarismos e números

A história passa pelo homem das cavernas, pelo nômade. Até chegar aos algarismos atuais, atravessa outras representações gráficas


Os números nem sempre foram esses que hoje conhecemos. Pelo contrário, o processo histórico da matemática passou por diversas modificações que foram sendo introduzidas de acordo com a necessidade dos homens em cada época.

Começou desde o período das cavernas, passou pela evolução do homem que deixou de ser nômade, até chegar aos algarismos que utilizamos, atravessou e evoluiu através de outras representações gráficas criadas por egípcios e romanos.

O processo histórico dos números

a-origem-dos-algarismos-e-numeros

Foto: Pixabay

O homem das cavernas e a necessidade de contar

Há mais de 30.000 anos, os homens da caverna sentiram a necessidade de contar objetos e suas conquistas. Quando saiam para caçar levavam consigo um pedaço de madeira ou um osso, o qual serviria de bloco de anotações em forma de traços.

A cada animal adquirido, um traço era adicionado nesses materiais. Voltando para suas grutas ou cavernas, o caçador tinha noção de quantos animais tinha conseguido naquele dia, mesmo sem existir a ideia dos números.

Vida fixa e o controle dos rebanhos

A partir do momento que o homem deixa de ser nômade e passa a viver fixo em um só lugar, ele começa a plantar e a criar rebanhos.

Então surge outra necessidade: o controle dos animais criados. Era preciso saber quantos saíram para pastar e quantos voltaram e assim descobrir se algum se perdeu ou foi devorado por animais selvagens.

Tendo essa preocupação, o pastor cria uma forma de contagem sem os algarismos. Funcionava assim, a cada animal que saia para pastar uma pedra era colocada dentro de um saco. Quando o rebanho retornava, a cada ovelha que voltasse uma pedra era retira do saco. Desta forma tinha-se o controle dos animais.

Os números egípcios

Um dos primeiros povos a produzir um sistema numérico foram os egípcios. Os números eram representados por traços e símbolos. E eram muito utilizados para facilitar o comércio. Eram eles:

a-origem-dos-algarismos-e-numeros

Foto: reprodução/internet

Algarismos romanos

Em Roma, um novo sistema algarismo foi criado. Bem mais complexo que o dos egípcios, ainda hoje usamos em algumas situações, como: em relógios, nos séculos, nomes de papas etc. São eles:

a-origem-dos-algarismos-e-numeros

Foto: Pixabay

Os algarismos indo-arábicos

Os números hoje utilizados foram criados pelos indianos no século V na era cristã, mas só foram difundidos para todo mundo pelos árabes. Por essa razão, os algarismos ficaram conhecidos como indo-arábicos.

Essa representação numérica ficou conhecida através de um grande matemático árabe chamado de al-Khowarizmi. Tendo conhecido os estudos dos indianos, o matemático ficou fascinado pela representação e se aprofundou nesse tema.

Escreveu um livro “Sobre a Arte Hindú de Calcular” e a partir disso os algarismos ficaram conhecidos. Inclusive esse nome dado aos números foi em homenagem ao estudioso, algarismo tem uma semelhança ao nome  al-Khowarizmi.

a-origem-dos-algarismos-e-numeros

Foto: Pixabay


Reportar erro