Band-aid: Como surgiu tal método curativo?

Durante a 2ª Guerra Mundial, muitos band-aids foram enviados à Europa para auxílio no cuidado com os soldados


Machucou, cortou ou arranhou? Põe um band-aid! Que o curativo é popular e ajuda em vários casos você já sabia. Mas sabe quem o inventou, quando ou como essa ideia brilhante surgiu?

Em Portugal ele se chama “penso-rápido”, na Inglaterra “plaster”, no entanto a maior parte do mundo se acostumou a reconhecer o bom e velho band-aid pelo nome que recebeu de fábrica na empresa Johnson & Johnson, que foi o berço do famoso curativo.

História do band-aid

Nos Estados Unidos, um funcionário da grande empresa de cosméticos Johnson & Johnson chamado Earle Dickson desenvolveu um protótipo que iria mudar a relação das pessoas com os curativos.

Pensando em sua esposa, Josephine Dickson, que frequentemente se machucava com afazeres domésticos, Earle criou um curativo simples que permitia que ela pudesse aplicar em si mesma.

Impressionados pela facilidade de manuseio do produto que foi apresentado à empresa, Johnson & Johnson passou a produzir o que em 1920 viria a ser comercializado pela marca com o nome de “band-aid”, que em inglês significa “faixa de ajuda”.

Imagem de band-aid

Foto: Depositphotos

A ideia apresentada era muito boa, mas não fez sucesso de vendas nos primeiros anos. Somente em 1924, quando a empresa apresentou a primeira máquina que produzia os curativos esterilizados é que as vendas saltaram. Durante a Segunda Guerra Mundial, muitos band-aids foram enviados à Europa para auxílio no cuidado com os soldados norte-americanos que lutavam por ali e, com isso, se popularizou nessa região também.

Criador de uma invenção tão útil, Earle Dickson, mais tarde, veio a se tornar vice-presidente da empresa até sua aposentadoria.

Como funciona o curativo?

Destinado a proteger pequenos ferimentos, o band-aid ajuda a manter a umidade natural da nossa pele, o que acelera a cicatrização das feridas. Hoje existe uma grande variedade de modelos que se adaptam aos diferentes interesses de seus usuários – há em tamanhos grandes, pequenos, coloridos e transparentes.

Curiosidade:

O curativo chamado “band-aid” se refere ao seu registro pela marca Johnson & Johnson, porém, ainda que outros fabricantes façam o mesmo produto ele ficou tão popularmente conhecido pelo primeiro nome registrado que todo o mundo o chama assim.


Reportar erro