Biografia de Abraham Lincoln

Abraham Lincoln foi um dos mais importantes presidentes dos Estados Unidos. Sua rica biografia traz fatos como a Libertação dos escravos


Abraham Lincoln foi uma das figuras mais importantes da história dos Estados Unidos. Nascido no dia 12 de fevereiro de 1809, no condado de Hardin, em Kentucky, que agora pertence ao Condado de LaRue, ele era o filho mais velho de Thomas Lincoln e Nancy Lincoln.

No ano de 1816 sua família mudou-se para o estado de Indiana, onde Lincoln viveu até seus 21 anos. Haviam perdido todas as propriedades e era necessário um novo recomeço. Quando tinha 9 anos teve que lidar com a perda da mãe, que ainda era jovem, tinha apenas 34 anos. Também perdeu a irmã mais velha, Sarah, que faleceu ao dar à luz.

Biografia de Abraham Lincoln

Biografia de um dos presidentes mais importantes da história dos Estados Unidos, Abraham Lincoln. | Foto: Reprodução

Quando jovem era considerado pela família e vizinhas como um rapaz preguiçoso. Ele não gostava de caçar nem de pescar, não se sentia bem em matar animais, mesmo que fosse para seu sustento. Tentou ir trabalhar em Nova Orleans, quando se deparou com a escravidão e decidiu voltar para Illinois, onde residia desde 1831. Seu pai havia casado com Sarah Bush Johnston após a morte de sua mãe, e coube a ela cuidar de sua instrução.

Início da Carreira política

Como morava em um local onde praticamente não existiam livros e papel, a única coisa que ele poderia usar para estudar era a bíblia, provavelmente o único livro que havia em sua casa. Dá-se a isso o constante uso de citações bíblicas em seus discursos, pois Lincoln estudou a fundo cada página do livro sagrado.

Trabalhou como balconista em uma loja, no estado de Illinois, em seguida se tornou agente postal em New Salem, onde viveu durante quase seis anos, e logo depois embarcou na vida política, sem nem imaginar que seria uma das figuras mais importantes do país.

Tornou-se Deputado de Illinois em 1834, e aproveitando a oportunidade formou-se em direito no ano de 1837. Seu trabalho era sempre ligado aos pobres e humildes, tanto como deputado quanto como advogado.

Casou-se com Mary Todd em 1842, e em 1846 elegeu-se Deputado Federal. No Congresso ele propôs a emancipação gradativa para os escravos, ato que desagradou tanto os defensores da escravidão quanto os abolicionistas. Lincoln não sabia ainda é que a abolição aconteceria de fato anos depois, quando ele viesse a se tornar presidente dos Estados Unidos.

Em 1858 ele disputou uma vaga ao Senado com Stephen A. Douglas. Lincoln perdeu as eleições, mas no debate ganhou uma reputação que lhe renderia a indicação para presidência no ano de 1860. Ele esteve ligado a fundação do Partido Republicano dos Estados Unidos em 1854, e foi este o partido que o apresentou como candidato presidenciável.

Presidência e morte

Vencendo as eleições, Abraham Lincoln já assumiu em meio a um grande conflito interno que acontecia nos Estados Unidos, o país se dividia entre os Estados do Norte e os Estados do Sul , que discordavam em muitos fatores, entre eles, sobre a libertação dos escravos. Ele considerava a secessão ilegal, e quando os militares do sul dispararam contra o Forte Summer, Lincoln pediu aos estados que lhe fornecessem 75 mil voluntários. Deu-se início a Guerra civil.

Em 1º de janeiro de 1863 Lincoln tomou uma das mais importantes atitudes do seu governo, divulgando a Proclamação da Emancipação que declarava a libertação dos escravos. Suas atitudes transformaram o Partido Republicano em uma das mais fortes organizações nacionais, que conseguiu atrair muitos democratas do Norte para a sua causa.

No ano de 1864 ele venceu a reeleição, quando os Estados do Norte anunciavam que haviam vencido a Guerra de Secessão. Flexível e generoso, ele encorajou os sulistas e voltarem a união, baixarem suas armas e voltarem a ser o que eram antes, um só povo.

No dia 14 de abril de 1865, o então presidente dos Estados Unidos, Abraham Lincoln, foi assassinado no Teatro Ford em Washington com um tiro a queima roupa na cabeça por John Wilkes Booth, um ator e espião do sul, que se revoltou ao ouvir um discurso do presidente que dizia que daria direito de voto aos negros.

Uma caçada de doze dias, feito pela polícia federal, procurou por Booth, que foi encurralado e baleado em um beco da Virgínia, morrendo em decorrência dos ferimentos.

Abraham Lincoln está sepultado no Cemitério Oak Ridge Springfield, em Illinois.


Reportar erro