Biografia de Aécio Neves

Aécio começou na vida pública no ano de 1982, por incentivo do avô Tancredo Neves. Nas eleições de 2014, o político disputou a presidência da República


Aécio Neves da Cunha nasceu no dia 10 de março de 1960, em Belo Horizonte, no estado de Minas Gerais. Ele é filho de Inês Maria e do ex-deputado federal Aécio Ferreira da Cunha. Estudou economia na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC), concluindo o curso em 1984.

Aécio começou na vida pública no ano de 1982, por incentivo do avô Tancredo Neves, eleito governador de Minas Gerais no mesmo ano. Em 1984, ao lado de Tancredo, teve atuação ativa no Movimento das Diretas Já, que marcou a transição entre a ditadura militar e a retomada da democracia no país após 20 anos de autoritarismo.

Aécio Neves é pai de três filhos Gabriela, Julia e Bernardo, e é casado com Letícia Weber.

biografia-de-aecio-neves

Foto: reprodução/site wikimedia

Aécio governador

Em 2002, Aécio foi eleito, em primeiro turno, governador de Minas Gerais, com 5.282.043 votos – o equivalente a 58% dos votos válidos – a maior votação da história do estado até então. Em 2006, reelegeu-se, também em primeiro turno, com 7.482.809 votos, 77,03% dos votos válidos, novamente um recorde.

No Palácio da Liberdade, o governador Aécio Neves teve atuação relevante, sobretudo no que diz respeito ao equilíbrio das contas públicas do estado. Ele priorizou ações de infraestrutura nos municípios mineiros e criou condições para o desenvolvimento das regiões mais pobres do estado.

Outra ação que foi vista como uma das principais do seu governo foi a implantação do programa Choque de Gestão, que tem como principal proposta reduzir o tamanho do Estado para investir mais no cidadão.

A atuação a frente do governo de Minas Gerais se estendeu por dois mandatos, de 2003 a 2010.

Aécio em Brasília

Aécio Neves foi eleito senador da República por Minas Gerais no ano de 2010 e deputado federal por quatro mandatos consecutivos (1987-2002). Foi líder do PSDB na Câmara de 1997 a 2000 e presidente da Câmara dos Deputados em 2001 e 2002.

Em 2011, assumiu uma cadeira no Senado Federal, após ser eleito, no ano anterior, com 7.565.377 votos.  Chegou ao cargo de presidente nacional do PSDB em de maio de 2013, conquistando mais de 97% dos votos do partido.

Em 2014, Aécio Neves foi candidato à Presidência da República, disputando contra a candidata Dilma Rousseff, do Partido dos Trabalhadores (PT). Aécio foi para o segundo turno, obtendo 48,36% dos votos, ficando em segundo lugar.


Reportar erro