Biografia de William Shakespeare

Conheça um pouco mais sobre a biografia de William Shakespeare, um dos dramaturgos mais importantes da história. Confira algumas de suas obras e frases


Ao se falar em dramaturgia, logo vem à cabeça o inglês William Shakespeare, afinal o dramaturgo foi e ainda é considerado um dos maiores profissionais da área na história. Shakespeare nasceu na pequena cidade britânica de Stratford-Avon no dia 23 de abril no ano de 1564. Seus pais não eram muito ricos e ele acabou passando por diversos maus bocados por causa da escassez monetária de sua família naquela época, mas isso não o fez desistir de estudar e sempre foi muito dedicado, principalmente, na literatura e escrita. O jovem inglês estudou latim e aos 18 anos de idade se casou com Anne Hathaway, com quem teve três filhos.

Shakespeare em Londres

Biografia de William Shakespeare

Conheça a biografia de William Shakespeare, um dos maiores dramaturgos da história. | Imagem: Reprodução

No ano de 1591, Shakespeare resolve se mudar para a capital londrina com a sua esposa em busca de oportunidades na área cultural. Foi lá que começou a escrever a sua primeira peça “Comédia dos Erros” e em 1594 termina ela. Durante o tempo que passou escrevendo-a, escreveu também aproximadamente 150 sonetos, que embora sejam considerados os mais belos de todos os tempos, não se destacaram tanto quanto as peças do autor. Em sua obra “A Megera Domada” Shakespeare ganhou ainda mais prestígio na sociedade, porém foi no ano de 1594 que este ficou ainda mais famoso e reconhecido entre os cidadãos londrinos, pois havia começado a trabalhar para a companhia de teatro “The Lord Chamberlain’s Men”. Em 1610, William voltou à sua cidade natal e lá escreveu sua última peça “A Tempestade”, que somente foi concluída 3 anos após sua volta. Três anos depois do lançamento da última obra, o autor faleceu de causas não identificadas pelos historiadores, mais precisamente em 23 de abril de 1616, coincidentemente, o mesmo dia de falecimento do autor castelhano Miguel de Cervantes, que escreveu Dom Quixote.

O estilo e a herança cultural de Shakespeare

Com mais de 150 sonetos e várias obras para o teatro, Shakespeare sempre manteve o seu estilo bastante humano e atemporal. Nos textos escritos, ele sempre buscava relacionar o amor, os sentimentos, as questões sociais, os temas políticos da época e vários outros assuntos. Nos sonetos há bastante frustração e agitação, mas também é possível encontrar um pouco de homossexualidade e masoquismo. Frequentemente as obras do autor inglês são readaptadas para os dias atuais, tanto no tetro como na televisão, cinema e literatura. Um grande exemplo é a tragédia de Romeu e Julieta, que já inspirou filmes, peças e até mesmo obras literárias.

Principais obras

  • Romeu e Julieta;
  • Julio César;
  • Macbeth;
  • O Rei Lear;
  • Os Dois Fidalgos de Verona;
  • O Mercador de Veneza;
  • Conto do Inverno;
  • Otelo;
  • Hamlet;
  • Henrique IV;
  • Ricardo III.

Frases

  • “Dê a todos os seus ouvidos, mas a poucos a sua voz.”
  • “Ser, ou não ser, eis a questão.”
  • “Pobre é o amor que pode ser contado.”
  • “Quando fala o amor, a voz de todos os deuses deixa o céu embriagado de harmonia.”
  • “Todo mundo é capaz de dominar uma dor, exceto quem a sente.”

Reportar erro