Biografia do ator Domingos Montagner

Domingos Montagner deixou uma grande legado do seu talento ímpar. Conheça a vida e trabalhos do artista


O Brasil inteiro chorou e se chocou com a tragédia que resultou na morte do ator Domingos Montagner. Mas ele deixou uma grande legado do seu talento ímpar.

Domingos Montagner Filho nasceu no dia 26 de fevereiro de 1962, em São Paulo – SP. O ator começou sua carreira no teatro e circo, em 1980, no grupo La Mínina e, em 1990, ingressou no teatro como palhaço.

Sua estreia na televisão foi na série Mothern, exibida pela GNT em 2008, quando viveu o personagem João. Logo em seguida participou de outras séries, dessa vez transmitidas pela Rede Globo.

biografia-do-ator-domingos-montagner

Foto: reprodução/site Facebook/Domingos Montagner

Foram elas: Força Tarefa (2010), onde interpretou o Cabo Moacyr; A Cura, quando fez uma pequena participação representando o pai de Ezequiel, também em 2010 e em Divã, em 2011, dando vida a Carlos Alencar.

Nas telenovelas, a estreia do ator aconteceu, ainda na Rede Globo, em Cordel de Fogo Encantado, em 2011, onde viveu o eterno Capitão Herculano Araújo, personagem que é até hoje lembrado com muito carinho pelo público.

Os trabalhos de Domingos mal tinham pausas e no ano seguinte chegou a interpretar três grandes papéis. Na minissérie global O Brado Retumbante ele viveu o personagem Paulo Ventura.

Pela mesma emissora deu vida ao turco Zyah, na novela Salve Jorge. E nas telonas do cinema representou o Coronel Raimundo, no filme Gonzaga: de Pai para Filho e em A Noite dos Palhaços Mudos, onde viveu o palhaço.

Em 2013 e 2015, Domingos foi, respectivamente, Raimundo Fonseca, na novela Joia Rara e João Miguel Oliveira Sanches em Sete Vidas, ambas telenovelas da Rede Globo. E ainda em 2015, o ator interpretou Espinosa em Romance Policial – Espinosa, na série produzida pela GNT.

No cinema, o ator trabalhou nos filmes Paredes Nuas (2009), A Grande Vitória e Tarja Branca: A Revolução que Faltava (2014), Através da Sombra (2015), De Onde eu te Vejo, Vidas Partidas, Um Namorado Para Minha Mulher (2016) e O Rei das Manhãs (2017).

Seu último trabalho foi em 2016, onde viveu o protagonista Santo dos Anjos na novela global Velho Chico. O enredo da drama se passava no Rio São Francisco.

Durante a pausa depois do almoço, Domingos resolveu dar um mergulho no rio junto com a colega de trabalho a também atriz Camila Pitanga.

Domingos e Camila acabaram sendo puxados pela forte correnteza do rio. Apenas a atriz conseguiu se salvar segurando nas pedras. O ator ficou desaparecido por quatro horas, mas logo depois seu corpo foi encontrado preso às pedras do rio.

Segundo o laudo realizado pelo Instituto Médico Legal (IML) de Sergipe, ele morreu de asfixia mecânica causada por afogamento. Domingos faleceu no dia 15 de setembro de 2016, na Região de Canindé de São Francisco, Sergipe, aos 54 anos.

O artista era casado com Luciana Lima e deixou três filhos; Leo, Antônio e Dante Montagner, de 4, 7 e 11 anos.


Reportar erro