Biólogo

Um profissional formado em ciências biológicas passa por dois processos dentro do próprio curso. Veja quais são as características desse curso


Quando se vai terminando o ensino médio e se preparando para os vestibulares vem a pergunta: qual o curso seguir? Se o estudante ainda não tem a resposta para esse questionamento, é preciso parar para pensar com segurança e pesquisar sobre as opções que existem. Só assim é possível escolher o curso que mais combina com suas ideologias, sua forma de ver o mundo e suas habilidades de conhecimento.

No caso do curso de ciências biológicas ou biologia, como era comumente chamado, a pessoa que decide cursá-lo deve ter empatia com a natureza, os animais e o meio ambiente como um todo, haja vista que serão seus objetos de estudo por todo o período de faculdade e também durante a vida profissional. Neste artigo, você poderá entender mais sobre essa profissão, seus focos e o mercado de trabalho para os biólogos.

Quais os tipos de biólogo?

Biólogos em pedras próximo de rio

Foto: Depositphotos

Um profissional formado em ciências biológicas passa por dois processos dentro do próprio curso. No total, são quatro anos de estudo, porém, nos dois primeiros o conteúdo é entregue de forma básica para todos os estudantes. Já os outros dois são divididos em licenciatura e bacharelado. Quem escolhe a primeira opção pode trabalhar em instituições de ensino como professor. Os bacharéis, por sua vez, trabalham na área de pesquisa.

A carga horária desses profissionais depende de onde eles atuam. Um professor de biologia trabalha de acordo com os horários da instituição de ensino. No caso dos bacharéis, geralmente são oito horas por dia. O salário também varia, o valor médio é de R$ 1.300 nas duas áreas. Porém, este valor pode chegar até R$ 4 mil para quem possui cursos de especialização e ensina em faculdades.

Trabalho de um biólogo e o mercado de atuação

Além de escolas e universidades, o biólogo pode trabalhar em gestão ambiental, na parte da administração de museus, jardins botânicos e herbários, indústrias, assistência médica ou hospitalar, ecoturismo, controle ambiental etc. Serviço Público, instituições de pesquisa científica, paleontologia, elaboração de relatórios de impacto ambiental, também são outras possibilidades de atuação de um profissional formado em ciências biológicas.

Outro ponto que vale destacar, é que após a formação desse curso, o biólogo pode fazer cursos de especialização, tais como:


Reportar erro