Biomas terrestres

O que são biomas? Um conjunto de vida, envolvendo os animais e vegetais, que se desenvolve em determinada zona climática sobre condições geoclimáticas semelhantes,…


O que são biomas?

Um conjunto de vida, envolvendo os animais e vegetais, que se desenvolve em determinada zona climática sobre condições geoclimáticas semelhantes, delimitada pelo fator Latitude, é denominado bioma. Os biomas possuem diversidades biológicas próprias que, em conjunto, formam a ecosfera.

Os principais biomas terrestres

Tundra

Biomas terrestres

Foto: Reprodução

Característica do Círculo Polar Ártico, a Tundra compreende o norte do Alasca e do Canadá, Groelândia, Noruega, Finlândia, Sibéria e Suécia. Com pouca precipitação, que ocorre normalmente na forma de neve, os locais onde predominam o bioma tundra recebem pouca energia solar e o solo permanece gelado durante a maior parte do ano. Poucas espécies são capazes de suportar essas condições, tendo raras plantas lenhosas como os salgueiros, além de capim rasteiro, liquens e musgos. Durante o verão, a presença de animais aumenta com a chegada de aves marinhas, enxames de moscas e mosquitos, roedores, lobos, raposas, doninhas, caribus e renas.

Taiga

A taiga, caracterizada pelas árvores coníferas, localiza-se no Norte do Alasca, Canadá, sul da Groelândia, parte da Noruega, Finlândia, Sibéria e Suécia. A partir da tundra até regiões com o clima mais ameno, a taiga possui vegetação mais rica, com abetos e pinheiros que impedem o solo de receber muita luz solar. Com pouca vegetação rasteira e poucas chuvas, esse bioma é representado por aves, alces, lobos, roedores, martas, linces e outros animais semelhantes.

Floresta Caducifólia ou Floresta Decídua Temperada

Biomas terrestres

Foto: Reprodução

Presente no leste dos Estados Unidos, oeste da Europa, leste da Ásia, Coréia, Japão e algumas partes da China, esse bioma é caracterizado por chuvas durante todo o ano, sendo que as estações são bem definidas. Os arbustos e árvores perdem folhas durante o outono e a incidência de sol é maior. Os animais, para suportar dias frios, migram, hibernam ou adaptam-se. Nessas regiões, as plantas são árvores como nogueiras, carvalhos e faias, que são dicotiledôneas, e os animais são esquilos, lobos, ursos, veados, aves insetívoras e muitos insetos.

Floresta Tropical, Pluvial ou Latifoliada

A maior área desse bioma, é a Amazônia, a segunda nas Índias Orientais e a menor na Bacia do Congo, na África. Com chuvas abundantes e regulares, a parte superior desse bioma é formada por árvores que podem chegar aos 40 m de altura e no topo, a temperatura é alta. Abaixo dessa camada formada pelas folhas e ramos, ocorre uma camada menor de árvores, que ficam entre 5 e 20 m de altura. Essa camada é mais quente, escura e úmida, com pouca vegetação, caracterizada por cipós e epífitas. Nessas regiões, as espécies de animais e vegetais são muito diversificadas.

Campos

Esse bioma, localizado no centro-oeste dos Estados Unidos, centro-leste da Eurásia, parte da América do Sul – Brasil e Argentina – e a Austrália, apresenta apenas um único estrato de vegetação, e o número de espécies é grande, apesar de ser representado por um pequeno número de indivíduos de cada uma delas. Com altas temperaturas durante o dia, a região recebe muita luz, pouca umidade e, durante a noite, as temperaturas são muito baixas. A vegetação predominante é de gramíneas, e os animais podem ser roedores, bisões, insetos, gaviões, corujas, entre outros.

Deserto

O deserto, bioma com características peculiares, possui vegetação muito esparsa, pois tem solo muito árido e pluviosidade muito baixa. As temperaturas, assim como nos campos, são altas durante o dia e baixas durante a noite. As plantas que crescem nessas regiões, como os cactos, são adaptadas para absorver a água das raras e passageiras chuvas. Os animais são predominantemente roedores.


Reportar erro