Campus Party

Descubra como surgiu a Campus Party, evento anual que acontece em cidades do Brasil e reúne geeks de idades e áreas diferentes


Você sabe o que é a campus party? Tudo teve início em uma festa lan da Organização Espanhola de Jovens, a EnRED, e era algo parecido com os corujões, que são bastante comuns em lan-houses. No ano de 1997, na festa, Paco Regageles, o diretor da emissora “Channel 100” sugeriu que o nome deveria ser trocado para Ben-Al-Party, já que a festa acontecia em Benalmádena.

Dois anos depois, o diretor junto com Belinda Galiano, Yolanda Rueda, Pablo Antón, Juanma Moreno e Rafa Revert, fundou a E3 Futura, objetivando fazer com que a tecnologia ficasse mais acessível para a sociedade. Foi daí que, algum tempo depois, surgiu a Futura Networks, que é a instituição responsável pela organização e promoção da Campus Party.

No ano de 2008 a Campus Party chegou ao Brasil, e anualmente os geeks transformam-se em “campuseiros” durante uma semana. A diversão vem acompanhada de banda larga com uma velocidade admirável e palestras com nomes de destaque no mercado, além de computadores com configurações excelentes, debates, oficinas, barracas e, é claro, o que não poderia faltar: campeonatos de games.

Campus Party

Foto: Paloma Amorim/ Divulgação

O que é?

A campus party, portanto, nada mais é do que uma reunião de geeks com perfis diferentes que trocam experiências e aproveitam o evento para divertir-se. Os participantes variam de amantes dos games aos gamers profissionais, envolvendo ainda usuários inveterados das redes sociais e estudantes de áreas como engenharia, ciências da computação e cursos semelhantes. Estão presentes ainda defensores dos softwares livres, blogueiros e internautas, além de jornalistas da área.

A primeira Campus Party do Brasil

O evento aconteceu pela primeira vez no Brasil entre os dias 11 e 17 de fevereiro no prédio da Bienal de São Paulo. Foram 3,3 mil inscritos provenientes de 18 países diferentes, além de 5,5 mil pessoas credenciadas, 2,8 mil computadores e 1,8 mil pessoas acampando.

A última aconteceu em 2015, envolvendo palestrantes como Bas Lansdorp, criador do projeto Mars One, Adam Howard, que foi um dos primeiros artistas digitais do mundo e Paul Zaloom, ator de “O mundo de BEAKMAN”, entre outros.

Atualmente, a festa é vista como o maior evento brasileiro no campo de novidades tecnológicas, e anualmente diversas pessoas esperam ansiosas para inscrever-se e participar do evento. A interação acontece entre estudantes, mestres, comunicadores e pessoas de diversos segmentos, não sendo apenas uma diversão, mas um verdadeiro networking para profissionais da área tecnológica.


Reportar erro