Características do Arcadismo

Conheça as características do Arcadismo, período que se deu na época do Iluminismo. Veja detalhes do contexto histórico no Brasil, Portugal e no mundo


Também conhecido como Setecentismo ou Neoclassicismo, o Arcadismo é o movimento literário que nasceu no continente europeu no século XVIII, durante uma época de ascensão da burguesia e de seus valores políticos, religiosos e sociais. No Brasil essa escola literária aparece na segunda metade do século XVIII trazendo profundas mudanças no contexto histórico, já que estava sendo influenciado pela onda de progressos nas ciências. De forma geral, o Arcadismo é conhecido por ser um movimento que exalta a natureza e a vida bucólica. Seu nome foi dado a partir de uma região grega chamada Arcádia, que era dita como a morada do deus da natureza, Pan.

Características do Arcadismo

Uma das características do Arcadismo era o bucolismo, ou seja, a valorização da relação homem e natureza. | Foto: Reprodução

Contexto histórico

Durante o século XVIII o mundo passava por diversas mudanças, tais como o Iluminismo, o progresso das ciências, a Independência dos Estados Unidos, além de várias revoluções, até mesmo no Brasil, em busca de mais independência. Um marco especial foi a Revolução Francesa no ano de 1789, que marcou o fim da Idade Moderna e início da Idade Contemporânea. O território brasileiro foi palco da Inconfidência Mineira durante o período arcaico.

Características

Exaltação da Natureza

Partindo de um desejo bucólico, o Arcadismo estava sempre em busca pelos valores da Natureza, fazia muitas referências a terra e ao mundo natural. Os poetas dessa escola costumavam escrever sobre as belezas do campo, a tranquilidade que era proporcionada pela natureza e contemplavam a vida simples, desprezando a vida nos grandes centros urbanos, assim como também a agitação e os problemas das pessoas que viviam nesses lugares. Quando os representantes árcades moravam na zona urbana, iam sempre ao encontro com a natureza para purificar suas almas com os ares leves do campo.

Inspiração greco-romana

Para os árcades, a arte greco-romana era considerada um modelo de perfeição, equilíbrio, beleza e simplicidade. Foi assim que as fortes influências desses povos conquistaram os moldes neoclassicistas ao que se refere à temática, às regras de composição e também no predomínio das figuras mitológicas. A mitologia pagã acabou servindo como elemento estético para os árcades.

Exaltação ao homem puro

Os árcades se preocupavam muito com a essência natural do homem e buscavam inspiração nas pessoas que tinham uma relação perfeita com a natureza, ou seja, os indivíduos que mais se aproximavam eram pré-históricos. Exaltavam a pureza, a beleza e a ingenuidade do homem primitivo que ainda não fora corrompido pelos padrões sociais.

Outras características do Arcadismo:

  • Influências da filosofia francesa
  • Inspiração nos modelos renascentistas
  • Tom de confissão nos textos
  • Estado de espírito espontâneo no âmbito dos sentimentos
  • Uso de apelidos
  • Objetividade nas escrituras
  • Idealização da mulher amada
  • Racionalismo
  • Pastorialismo (poetas simples e humildes)
  • Linguagem simples
  • Fingimento poético
  • Temas épicos

Reportar erro