Cerâmica

Produto da produção de artefatos tendo a argila como matéria prima, a cerâmica é resultado da técnica que usa um processo de queima da…


Produto da produção de artefatos tendo a argila como matéria prima, a cerâmica é resultado da técnica que usa um processo de queima da argila. São materiais de natureza inorgânica, sólida e não metálica, que, quimicamente, apresentam constituição de óxidos metálicos, podendo conter ainda misturas iônicas.

Cerâmica

Foto: Reprodução

Grupos de cerâmicas

As cerâmicas podem ser classificadas em dois tipos, a cerâmica tradicional, que é a utilizada em revestimentos, desde azulejos até vasos para cultivo. Neste grupo estão ainda os tijolos e quaisquer outros objetos que não precisem de maior sofisticação. O segundo grupo é o de cerâmica avançada, que é um material obtido a partir de uma matéria prima mais purificada – pode até ser o mesmo material que dá origem à cerâmica tradicional, mas essa está em estado maior de pureza. A cerâmica avançada é usada para tijolos refratários para churrasqueiras e alguns fornos, por exemplo.

Usos populares

As principais aplicações de cerâmica no dia a dia, se dão em pequenos detalhes que podem passar despercebidos por nós. Na área da bioquímica, por exemplo, são usadas em implantes dentários e na substituição de ossos; na eletroeletrônica, são usadas em sensores, sonares, supercondutores e capacitores; em mecânica, é usada para constituição de ferramentas de corte; em ótica, nas fibras óticas e materiais fluorescentes; na área térmica, são usadas como substratos; e na área nuclear, nos combustíveis.

Conceito histórico

Entre os materiais manufaturados mais antigos, datando de 24.000 anos a.C., a cerâmica está presente em diversos fatos históricos e suas peças mais antigas foram encontradas na Tchecoslováquia. Além desta, no Japão foram encontrados registros do uso de cerâmica. No Brasil, essas peças também foram encontradas na região da Floresta Amazônica. Os objetos encontrados são simples, que posteriormente evoluíram para materiais mais elaborados. A argila aplicada na fabricação de objetos há muitos anos, se deve à sua capacidade de se misturar com a água, e a partir disso ser moldada e endurecida por meio do aquecimento. Dessa forma, poderia ser usada em diversos formatos para diversos fins, incluindo, por exemplo, a armazenagem de sólidos líquidos nos tempos antigos, até a decoração usada nos dias de hoje.

Onde viviam os povos babilônicos e assírios, foram encontradas manifestações diferentes do uso da cerâmica. Esses povos utilizavam o material com ladrilhos esmaltados em azul, cinza azulado e creme, podendo ser encontrados ainda com relevos decorados, datados do século VI a.C.

Após o período em que ocorreu a Segunda Guerra Mundial, a indústria da cerâmica se desenvolveu de forma que os preços baixaram, fazendo com que o uso do material se tornasse popular. A partir de sua popularização, foram desenvolvidas mais tecnologias, além do aprimoramento da obtenção do material.


Reportar erro