Ciclo do cálcio

Essencial para todos os seres vivos, o cálcio é o quinto elemento mais abundante do planeta Terra e o metal mais abundante no corpo…


Essencial para todos os seres vivos, o cálcio é o quinto elemento mais abundante do planeta Terra e o metal mais abundante no corpo humano, especialmente na forma de compostos como o carbonato de cálcio.

Processos muito importantes à vida, tais como a ativação de enzimas, a condução de impulsos nervosos, a coagulação sanguínea e a contração muscular dependem da ação do cálcio. Além disso, este mineral participa da formação do exoesqueleto e conchas, nos invertebrados; e dos dentes e ossos, nos vertebrados.

Quando o indivíduo possui uma dieta pobre em cálcio, o seu organismo recorre aos ossos para suprir as suas necessidades metabólicas, causando desgaste e a possibilidade de outras complicações, como a osteoporose, por exemplo.

Ciclo do cálcio

Foto: Reprodução

Qual é o ciclo do cálcio?

As principais fontes de cálcio na natureza são as rochas, sendo que só é possível encontrar este mineral dissolvido na água e no solo através de processos mecânicos, químicos e biológicos. O cálcio nunca foi encontrado isoladamente na natureza, e sim presente em rochas, calcários, mármore, gipso, apatita e fluorita.

O ciclo do cálcio tem início com o intemperismo das rochas calcárias, isto é, um conjunto de alterações de ordem física (desagregação) e química (decomposição) que as rochas sofrem ao longo de sua existência. O intemperismo pode ocorrer por causa da ação do clima, como a variação sazonal da temperatura e distribuição das chuvas; o relevo, que influencia no regime de infiltração e drenagem das águas; a fauna e a flora, que fornecem matéria orgânica para reações químicas; e o tempo de exposição da rocha aos agentes intempéricos.

A partir do intemperismo das rochas, o cálcio é incorporado ao solo, agindo na correção da acidez. No solo, o mineral é absorvido pelos vegetais, sendo utilizado em vários processos vitais. O cálcio é adquirido pelos animais através da ingestão dos vegetais e o organismo utiliza o mineral na formação dos ossos, dentes e em outros processos bioquímicos.

Por fim

Com a morte e a posterior decomposição dos animais, o cálcio presente retorna ao meio, seja aos lagos, ao oceano ou à terra, sendo novamente utilizado na composição de rochas calcárias e sedimentares, completando o seu ciclo, o denominado “ciclo do cálcio”.


Reportar erro