Como melhorar a interpretação de texto?

Só sabe interpretar um texto quem costuma fazer isso com frequência, exercitando a mente a compreender a ideia que os autores expressam em seus escritos


“Só sabe fazer quem faz!”. É com esse ditado que começamos este artigo, isso porque ele sintetiza todo o conteúdo aqui abordado, isto é, a leitura. Só sabe interpretar bem um texto quem costuma fazê-lo com certa frequência, exercitando a mente a compreender a ideia que os autores expressam em seus escritos.

Saber interpretar é de extrema importância, principalmente quando se vai prestar vestibular. O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) é a porta de entrada para diversas universidades no Brasil, e quem já conhece essas provas sabe muito bem como são elaboradas as questões, exigindo que o candidato consiga compreender os enunciados da maneira mais rápida e correta possível.

Como melhorar a interpretação de texto?

Foto: Reprodução/ internet

Para ajudar alguns estudantes, trouxemos cinco formas de melhorar a capacidade de interpretação dos textos e assim garantir bons resultados nos estudos.

Melhorando a interpretação de texto

Antes de tudo, precisamos entender que texto não é apenas uma organização de palavras, mas sim a junção de informações que, em determinada ordem, provocam um sentido para o leitor. Assim também, são considerados como textos uma obra de arte, um sinal de trânsito, um filme, uma foto, um símbolo, uma novela de televisão etc. Em todos os casos, é preciso alguns requisitos para conseguir uma interpretação correta. São eles:

-Leia, leia e leia: A primeira dica não poderia ser outra. Lembram da frase: “Só sabe fazer quem faz!”? É justamente isso. O estudante precisa ler bastante, pois assim consegue interpretar de forma mais rápida, conhece palavras novas e adquire conhecimento que pode servir posteriormente;

-Leia o texto completo: Outro ponto importante para garantir uma compreensão coerente é ler o texto por inteiro, sem interrupções. Esse método auxilia o interlocutor a ter uma visão geral das ideias do autor. Lembrando que, se você não está assimilando a leitura, é essencial que pare e recomece do início, pois não há entendimento sem atenção;

-Destaque as palavras desconhecidas: Para não perder o ritmo da leitura, ao invés de tentar entender algumas palavras que não são conhecidas, opte por destacá-las e volte para elas apenas quando concluir a leitura do texto. Assim, você também evita perder tempo e atrapalhar a compreensão;

-Entenda as ideias do autor: É imprescindível que os leitores saibam diferenciar suas opiniões das que estão no texto. Isso implica dizer que o interlocutor deve ter cuidado para não misturar as informações e respeitar as ideias do autor, para que sua concepção do assunto não influencie no resultado final;

-Volte ao texto quantas vezes for preciso: Ao terminar a leitura, o interlocutor precisa saber bem o que o autor quis passar com o seu texto. Se isso não ficar claro, é necessário realizar uma nova leitura com mais atenção. Nunca responda uma questão de interpretação com base em “achismos”, procure compreender ao máximo as ideias expostas.

 

 

*Revisado por Débora Silva, graduada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas)


Informar erro