Conheça a Universidade Federal da Bahia (UFBA)

A Universidade Federal da Bahia (UFBA) existe desde séculos passados e foi a primeira instituição a ter um curso universitário no Brasil


A Universidade Federal da Bahia (UFBA) existe desde séculos passados e foi a primeira instituição a ter um curso universitário no Brasil. A UFBA teve seu início em 1808, quando o Príncipe Regente, Dom João VI, fundou o primeiro curso universitário do país; a Escola de Cirurgia da Bahia.

Em 1832 foi incorporado à universidade o curso de Farmácia. Logo depois o de Odontologia (1864), seguindo por Academia de Belas Artes (1877), Direito (1891) e Politécnica (1896).

No século seguinte, mais especificamente em 1941, o baiano Isaías Alves (1888-1968) criou a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras, que hoje integra a UFBA.

conheca-a-universidade-federal-da-bahia-ufba

Foto: reprodução/UFBA

Edgar Santos foi o primeiro reitor da Universidade e passou 15 anos no cargo (1946-1961) e nesse período a instituição floresceu nas áreas de artes, humanidades e saúde. O diplomado em medicina nasceu em 1984 em Salvador e fez especialização em cirurgia na capital São Paulo.

Durante a época em que foi reitor da instituição, Edgar liderou o processo de federalização e em 1950, a antes Universidade da Bahia passa a ser Universidade Federal da Bahia. Logo então foram-se instituindo vários outros cursos superiores.

Ele também desenvolveu uma infra-estrutura física e de pessoal, sendo a primeira pessoa a escrever o capítulo do que seria uma universidade integrada: Artes, Letras, Humanidades e Ciências.

Na década de 60 a UFBA produziu um dos mais importantes fenômenos da cultura contemporânea: o Cinema Novo e o Tropicalismo.

Hoje a Universidade cresceu e possui mais de vinte cursos. E apesar de ter ficado moderna, ela manteve a identidade do período em que Edgar Santor fundou a UFBA.


Reportar erro