Conhecendo a esquadrilha da fumaça

Esquadrilha da fumaça é um grupo de pilotos e mecânicos da FAB que realiza impressionantes demonstrações de acrobacias aéreas. Saiba mais sobre este grupo


O Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA), conhecido popularmente como esquadrilha da fumaça, é um grupo formado por pilotos e mecânicos da Força Aérea Brasileira (FAB), que realiza impressionantes demonstrações de acrobacias aéreas, não apenas em eventos no território brasileiro, mas também em outras regiões do mundo.

Segundo o EDA, o objetivo do grupo é aproximar as esferas aeronáuticas civil e militar, contribuindo para a maior interação entre a aeronáutica e as demais forças armadas.

História

A história da esquadrilha da fumaça tem origem na iniciativa de instrutores de voo da antiga Escola de Aeronáutica, com sede no Rio de Janeiro (RJ). Nos momentos de folga, os pilotos realizavam treinos de acrobacias em grupo, a fim de incentivar os Cadetes a adquirirem confiança em seus talentos, missões e na segurança das aeronaves.

Conhecendo a esquadrilha da Fumaça

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

No dia 14 de maio de 1952, um grupo estrangeiro que visitava a antiga escola teve a oportunidade de apreciar a primeira demonstração oficial do grupo.

Com o decorrer do tempo, as aeronaves e as acrobacias sofreram mudanças, mas a missão do grupo foi preservada. A apresentação tradicional da esquadrilha da fumaça dura 32 minutos, período em que são exibidas cerca de 22 sequências de manobras da equipe com 55 acrobacias individuais.

Atualmente, a sede da esquadrilha é na Academia da Força Aérea, na cidade de Pirassununga, no interior do estado de São Paulo.

Missão

A principal missão do esquadrão da fumaça é realizar as demonstrações aéreas, em território nacional e internacional, com o objetivo de divulgar a imagem institucional da Força Aérea Brasileira.

As responsabilidades deste grupo incluem a valorização da FAB e o sentimento de nacionalismo; o estímulo e desenvolvimento das vocações aeronáuticas; demonstração do elevado grau de treinamento e capacidade dos pilotos brasileiros; contribuição para a maior integração entre a Força Aérea Brasileira e as demais Forças Singulares; representação da FAB no exterior como instrumento diplomático; divulgação da Política de Comunicação da FAB; e a participação do processo de integração nacional, representando a FAB nos eventos realizados em todo o país.

Aeronaves e manobras

As aeronaves utilizadas na realização das manobras da esquadrilha da fumaça são desenvolvidas para missões espaciais e incluem os seguintes modelos: North American T-6 Texan, T-24 Super Fouga Magister, Neiva T-25, Embraer BEM-312 Tucano e o A-29.

Dentre as manobras que podem ser feitas estão as seguintes: split e cruzamento duplo, panqueca, looping em leque, break, looping com desfolhado, o coração, looping coincidente com cruzamento lento, bomba, bolota, barril (realizado com 6 aeronaves), snap roll, entre outras.


Reportar erro