Conhecendo o maior e o menor animal vertebrado do mundo

Mamíferos e anfíbios: é justamente destas duas ordens que surgem o maior e o menor animal vertebrado do Planeta. Sendo um 3,1 mil vezes maior que o outro


Os animais são divididos em diversas categorias, entre elas os invertebrados e os vertebrados. O que difere estas duas classificações, todavia, é a ausência e a presença de coluna vertebral, respectivamente. Enquanto os invertebrados, como os insetos, moluscos, vermes entre outros, não possuem esta estrutura corporal; os vertebrados têm o corpo sustentado por tal, a exemplo das aves, peixes e répteis.

Dentro da classificação dos vertebrados, existem cinco grupos de animais. Além dos três já mencionados, completam esta classe os mamíferos e os anfíbios. E é justamente destas duas ordens que surgem o maior e o menor animal vertebrado do Planeta. Isto é, a baleia-azul e a rã Papua Nova Guiné, nesta mesma ordem. Para se ter uma ideia dos tamanhos mencionados, o mamífero é 3,1 mil vezes maior que o anfíbio.

Baleia-azul: maior vertebrado do Planeta

Ilustração de baleia azul

Ilustração: Pixabay

Vinte e quatro metros de comprimento e 160 toneladas. Estas são as medidas equivalentes a uma baleia-azul adulta. Por estas dimensões, este é considerado o maior vertebrado do Planeta. Tal animal possui o corpo em tom de azul-acinzentado, enquanto que o ventre é mais claro. Os habitats deste animal se dão nos oceanos Pacífico, Atlântico, Antártico e Índico.

Apesar disso, a baleia-azul está ameaçada de extinção. Estima-se que existam de 15 a 25 mil indivíduos desta espécie no mundo, sendo que cada um vive em torno de 85 anos. Este baixo número, por sua vez, se dá em decorrência das intensivas caças feitas a esses animais, as quais foram intensificadas em 1925. Assim, em 1945, havia um déficit deste tipo de baleia.

Vertebrado minúsculo e recentemente descoberto

Imagem da menor rã do Planeta

Foto: Reprodução/ Negócio Digital

Em 2009, a rã Papua Nova Guiné foi descoberta nas mediações das florestas tropicais localizadas no país que deu origem ao nome da espécie. Já o título de menor vertebrado do mundo foi dado após os pesquisadores afirmarem que o tamanho deste animal na fase adulta somente chega até 7,7 milímetros. Este número representa menos de um centímetro. Assim, pode-se dizer que esta rã é do mesmo tamanho que uma mosca ou que ela mede menos da metade de uma moeda de 10 centavos de dólar.

O nome científico para este animal é o Paedophryne amauensis. E os cientistas, após diversos estudos, concluíram que ela teria se tornado deste tamanho graças ao processo de adaptação ao habitat onde vivem, em meios as folhas do chão. Se alimentam de insetos minúsculos, sendo ainda menores do que aqueles que servem para rãs de tamanho considerados normais.


Reportar erro