Cromossomos

Saiba o que são os cromossomos e veja como diferenciá-los, conheça um pouco mais sobre sua estrutura e sobre como agem no corpo humano


Os cromossomos constituem uma longa sequência de DNA (ácido desoxirribonucleico) contendo diversos genes. Eles são formados por uma fita longa e dupla de DNA, que se trata do material genético, ou seja, ele possui os genes que nos dão as características físicas, cor de olhos, pele e cabelo, por exemplo. Na estrutura dos cromossomos há proteínas chamadas histonas, proteínas estas que se agrupam num número de oito, envolvidas pela molécula do DNA e a estes grupos chamamos de nucleosssomos, podendo existir vários numa única molécula de DNA.

Este complexo de proteínas + DNA é chamado de cromatina e encontra-se dentro do núcleo das células eucarióticas. O primeiro estudioso a abordar a temática dos cromossomos e observá-los foi Karl Wilhelm von Nageli no ano de 1842, contudo foi apenas em 1910, por meio de Thomas Hunt Morgan, que foi provado que os cromossomos carregavam os genes.

Está errado quem pensa que os cromossomos são todos iguais. Muito pelo contrário, eles possuem uma espécie de estrangulamento que começa no centrômero, e irão diferir entre si de acordo com a posição em que o mesmo se encontrar. Eles variam então em quatro tipos, veja abaixo as definições.

Tipos

  • Cromossomo Telocêntrico: O centrômero encontra-se na extremidade do cromossomo, em sua região terminal, fazendo com que se pareça uma espécie de pinça.
  • Cromossomo Acrocêntrico: Aqui o centrômero localiza-se próximo a uma das extremidades do cromossomo, mas não totalmente nela. Este efeito faz com que um braço seja bem maior que o outro.
  • Cromossomo Submetacêntrico: Neste caso o centrômero está apenas um pouco afastado do meio do cromossomo.
  • Cromossomo Metacêntrico: Nos metacêntricos o centrômero está localizado bem no meio do cromossomo, como o próprio nome sugere em sua metade, deixando-o num formato exato de X.

Veja abaixo uma imagem para esclarecer os conceitos.

Tipos de cromossomos

Imagem: Reprodução

Cromossomos Homólogos

O corpo humano possui no total 46 cromossomos pareados, contudo 2 destes cromossomos são os chamados “sexuais”, o que irá decidir o sexo durante a formação do feto, enquanto que os outros 44 são os autossomos, isto é, que não estão ligados ao fator sexual. Portanto temos então 23 pares, sendo 22 de autossomos e 1 de sexuais. Os cromossomos homólogos são aqueles que representam cada um destes  pares.

Células diploides e haploides

As células que estão aos pares, as que possuem os cromossomos homólogos são chamadas diploides, por isto a representação “2n”, já as células contendo apenas 1 destes representantes são chamadas haploides, ou simplesmente “n”.


Reportar erro