Cultura romana – Religião, artes e política

A cultura romana é marcada pela adaptação e pelo desenvolvimento de conceitos e padrões absorvidos de outras civilizações


A cultura romana, assim como a grega, é tida como o berço de muitos conceitos que mantemos na atualidade sobre história, literatura e arquitetura. Foi entre os romanos que nasceu o Latim, língua que na Idade Média viria dar origem ao Italiano, Francês, Espanhol e ao nosso amado Português. Essas características fazem com que o Império Romano seja exaltado até hoje não apenas por suas conquistas políticas, mas também pelas suas conquistas sociais, intimamente ligadas as artes.

Cultura romana - Religião, artes e política

Imagem: Reprodução

O Império Romano

Foram inúmeros os avanços durante a Roma Antiga. Historiadores afirmam que  a fundação de Roma, que passou de uma pequena cidade para um dos maiores impérios conhecidos, foi feita pela mistura de emigrantes de três povos, que se encontraram na área da península itálica: gregos, italiotas e etruscos. Juntos eles desenvolveram a economia local baseada em agricultura e pecuária, e iniciaram o processo político denominado de monarquia, onde a cidade era governada por um nobre.

A religião dominante no império romano era a politeísta, onde vários deuses eram adorados. Os deuses romanos assemelhavam-se extremamente aos deuses gregos, muitos apenas receberam nomes diferentes.

Pão e circo

Esse era o nome dado a uma postura política tomada pelo Império Romano durante uma forte crise de desemprego que tomou conta dos centros urbanos romanos. O imperador teve receio de que acontecesse alguma revolta devido a isso, e criou a política do pão e circo, que consistia em oferecer alimentação e diversão, para que eles não se rebelassem. Foi durante a implantação desse método que nasceu uma das mais fortes características culturais do império romano: a luta de gladiadores no Coliseu e em vários outros estádios distribuídos pelo território do império.

Nas artes

Apesar dos romanos terem aperfeiçoado a maior parte das coisas que absorveram de outros povos, não podemos negar que muita coisa foi copiada de outras civilizações, isso se deve também ao fato do povo romano ser formado pela miscigenação de três diferentes povos.

Na religião a principal influência foi a grega, pois os deuses gregos foram adaptados a realidade romana, mudando apenas de nomes. Depois da conquista de territórios próximos ao oriente, foi a vez de divindades orientais ganharem adeptos entre os romanos. Por fim foi o cristianismo a religião da vez no fim do século IV.

Na arquitetura também foram sentidas influências de outros povos. Os romanos herdaram da civilização etrusca o arco e a abóbada, da grega aproveitaram as colunas e da helenística os padrões utilizados em teatros, circos e esculturas. Algumas técnicas de construção foram desenvolvidas pelos romanos, que também criaram novidades, como as casas de banho, chamadas de balneários, que serviam de ponto de encontro para a aristocracia romana.


Reportar erro