As maiores construtoras em atividade no Brasil

A Inteligência Empresarial da Construção (ITC) divulgou em 2014 um ranking com as maiores construtoras do Brasil. Confira


Nos momentos de recessão econômica muitos mercados acabam sofrendo as consequências das retenções de gastos, um bom exemplo é o setor da construção civil, um dos primeiros sentir os efeitos das crises. Isso ocorre devido à diversos fatores, principalmente por dois: a dificuldade que as pessoas encontram para conseguir crédito nos bancos e o receio de fazer dívidas a longo prazo. Com todo esse cenário as empresas acabam perdendo lucros altíssimos e não conseguem fechar negócios como em anos de crescimento econômico.

De acordo com o último levantamento feito pela Inteligência Empresarial da Construção (ITC), em 2014, algumas empresas, apesar da crise, conseguiram fechar negócios nesse mesmo ano. A organização divulgou um ranking com as maiores construtoras do Brasil, nos seguimentos comercial, indústria e residencial. O destaque está para a MRV Engenharia, que pelo quarto ano consecutivo encabeça o topo dessa importante lista.

As 20 maiores construtoras brasileiras

Construção de edifício

Foto: Depositphotos

  1. MRV Engenharia: Em 2014 atingiu 18 obras a mais que no ano anterior. Assim, conseguiu se manter, mais uma vez, na primeira colocação. Foram 8.707.012,00 m², para 383 obras;
  2. Direcional: O total de obras e a área construída dessa construtora subiu 46% de um ano para outro. Foram 75 obras, correspondendo à 6.230.350,19 m²;
  3. Cyrela: Ocupava o segundo lugar na lista em 2013. Após um ano, a empresa caiu uma posição, mas ainda é uma das que mais realiza negócios no Brasil. Foram 4.769.657,87  m²;
  4. Brookfield: Com 94 obras concluídas, a Brookfield conseguiu atingir 3.043.852,37 m².  Com isso, subiu uma posição de 2013 para 2014;
  5. Casa Alta: Aumentou as obras de 87 para 108, em um comparativo de 2013 e 2014. Ocupando o sétimo lugar, na última atualização do ITC subiu duas casas;
  6. Even: Com um total de 2.237.212,55  m² de área construída, a Even conseguiu o sexto lugar com 100 obras realizadas durante o ano de 2014;
  7. Rossi: Esta empresa teve baixa em 2014, levando em consideração os números de 2013. Todavia, conseguiu subir da nona para sétima posição. O total de obras foi de 102 no último levantamento;
  8. Gafisa: Mesmo com 2.028.938,00 m² de área construída, a Gafisa não conseguiu se manter na quarta posição que ocupou em 2013 e acabou descendo quatro casas nessa lista. O fato é que a empresa teve 71 obras em 2014 e no ano anterior foram 102;
  9. Moura Dubeux: As obras concluídas desta empresa saltaram de 67 para 84. Isso fez com que a Moura Dubeux saísse da 14ª posição para ocupar a nona.
  10. Toledo Ferrari: Fechando o top 10 das maiores construtoras do país, esta a Toledo Ferrari que conseguiu a marca de 1.903.061,91 m², em 25 obras em 2014.
  11. Cury Construtora: De toda a lista quem mais surpreendeu a todos do ramo foi a Cury Construtora, que saiu da 62ª posição com apenas 11 obras, em 2013, e foi parar na 11ª colocação com 74 obras concluídas. A área total foi 1.869.428,61 m²;
  12. Emccamp: Totalizando 35 obras construídas, a Emccamp teve um aumento de quatro novos negócios e o total de área também subiu, passando de 1.400.361,11 para 1.745.815,46 m²;
  13. HF Engenharia: Esta conseguiu construir 29 obras, totalizando uma área de 1.602.230,10 m². Em 2013 ocupou esta mesma posição, com o mesmo número de obras e área construídas;
  14. Grupo Plaenge: Esta construtora conseguiu alcançar em 2014 o mesmo número de obras de 2013, no total de 129. Como o desempenho das outras foi ruim, esta subiu de posição. Está abaixo da HF devido ao total de área construída, o qual neste caso foi de 1.529.367,43 m², número inferior a anterior ;
  15. Grupo Via: O número de obras que essa empresa teve em suas mãos caiu de 36 para 27, por essa razão ela saiu da 10ª para a 15ª posição;
  16. Eztec: Com uma área total de 1.419,790,49 m² construída em 2014, a Eztec ocupou a 16ª posição, mesmo com seis obras a menos que no ano anterior;
  17. Tecnisa: Em 2013, esta empresa ocupava o 6ª lugar com ótimo número de obras realizadas, 65 ao todo. Todavia, com as baixas vendas, a Tecnisa despencou para 17ª posição, com apenas 21 obras no ano de 2014;
  18. Sertenge: Se mantendo na mesma posição, a Sertenge conseguiu fechar negócios com 27 obras, construindo uma área total de 1.237.184,01;
  19. Bueno Netto: Quem ocupava a 12ª posição, caiu drasticamente para a 19ª. Bueno Netto viu o número de obras realizadas cair de 36 para 23 em apenas um ano;
  20. SGO Construnções: Outro surpreendente salto foi dado por esta construtora, que saiu da 35ª posição para a 20ª de um ano para outro. Em 2013, a empresa foi responsável por 17 obras no território brasileiro.

Outras empreiteiras importantes

Além das 20 construtoras destacadas, outras quatro estão em evidência no Brasil pelos contratos de grande porte feitos com empresas estatais, a exemplo da Petrobras. São elas: Odebrecht, OAS, Camargo Corrêa e Andrade Gutierrez.


Reportar erro