Fases, principais autores e características do Modernismo

Por Nayla Georgia

Fases, principais autores e características do Modernismo

Oswald de Andrade, um dos principais autores deste movimento literário. | Foto: Reprodução

Pode-se entender o Modernismo como um movimento literário e artístico que teve início no século XX com o objetivo de romper com o tradicionalismo. Buscavam a libertação estética, a experimentação constante e, acima de tudo, a independência cultural do país. No Brasil, o Modernismo deu seus primeiros passos com a Semana de Arte Moderna em 1922 na cidade de São Paulo.

Fases do Modernismo no Brasil

Primeira Fase (1922-1930)

Com a Semana de Arte Moderna em 1922 tem início a Primeira Fase do Modernismo, que também é chamada de Fase Heróica. Pode-se caracterizar tal fase por um maior compromisso dos artistas com a renovação estética inspiradas nas vanguardas europeias  como o cubismo, o futurismo, o surrealismo e outros. A linguagem literária tenta romper com o tradicional, sendo algumas dessas mudanças: a liberdade formal, a valorização do cotidiano, reescritura de textos do passado, etc. É também importante ressaltar que foi durante este período que surgiram os grupos de movimento modernista, entre eles o Pau-Brasil, Antropófago e Verde-Amarelismo, por exemplo.

Segunda Fase (1930-1945)

Também chamada de Fase de Consolidação, a Segunda Fase do Modernismo é caracterizada pelo predomínio da prosa de ficção. É nesse período que os ideais difundidos na fase anterior se espalham e normalizam os esforços de antes para redefinir a linguagem artística, que acaba por se unir a um grande interesse pelas temáticas nacionalistas. As novas obras dos autores da Primeira Fase acabam amadurecendo e surgem novos grandes poetas, como Carlos Drummond de Andrade.

Terceira Fase (1945-1960)

Nesta fase a prosa dá sequência às três tendências observadas na Segunda Fase, que são: a prosa urbana, intimista e regionalista, com certa renovação formal. A poesia desse período conta com os poetas que apareceram na fase anterior, afinal eles continuam em constante renovação. Foi criado um grupo de escritores que se autodenominaram de “geração 45”, seus membros procuravam por uma poesia equilibrada e séria, sendo até chamados pelas outras pessoas de neoparnasianos.

Principais representantes brasileiros do Pré-Modernismo e do Modernismo

  • Alcântara Machado
  • Manuel Bandeira
  • Augusto dos Anjos
  • Mário de Andrade
  • Monteiro Lobato
  • Euclides da Cunha
  • Lima Barreto
  • Cecília Meireles
  • Clarice Lispector
  • Jorge Amado
  • Érico Veríssimo
  • Mário Quintana
  • Graciliano Ramos
  • Oswald de Andrade
  • Menotti Del Picchia
  • José Lins do Rego
  • Graça Aranha
  • Etc.

Algumas características dessa escola literária

  • Uma das características era a busca por melhores formas de se desfazer das “marcas antigas” e substituir por novas formas, possivelmente melhores, de chegar ao progresso;
  • Os modernistas queriam que as pessoas se adaptassem as suas visões de mundo e aceitassem que o “novo” também era bom e belo;
  • Tentava se desprender ao máximo das heranças do Parnasianismo;
  • Revolucionou as artes plásticas, a literatura, o design e até mesmo a organização social.