Floresta Amazônica

Com aproximadamente 7 mil quilômetros de extensão, a Floresta Amazônica está situada na região norte da América do Sul, espalhada por territórios do Brasil,…


Com aproximadamente 7 mil quilômetros de extensão, a Floresta Amazônica está situada na região norte da América do Sul, espalhada por territórios do Brasil, Venezuela, Colômbia, Peru, Bolívia, Equador, Suriname, Guiana e Guiana Francesa.

A maior parte, no entanto, está localizada no Brasil, abrangendo os estados do Amazonas, Amapá, Rondônia, Ace, Pará e Roraima, e abrange predominantemente árvores de grande porte.

Floresta Amazônica

Foto: Reprodução

Características

Como dissemos acima, a floresta possui muitas árvores de grande porte que estão muito próximas umas das outras, caracterizando uma floresta fechada. O pulmão do mundo, como foi apelidada a floresta, possui biodiversidade e uma importância incalculável. Seu solo apresenta poucos nutrientes que estão localizados em uma pequena camada superior, formada por folhas e frutos em decomposição, além de animais mortos. É com essa matéria – também conhecida como húmus – que milhares de plantas se desenvolvem na floresta onde o ecossistema está em perfeito equilíbrio. Chove muito em toda a floresta e ela apresenta pouca vegetação rasteira devido à presença das árvores maiores que acabam impedindo os raios solares de chegar ao solo.

Localizada próxima à linha do equador, a floresta apresenta predominantemente o clima equatorial onde as temperaturas são elevadas, assim como a quantidade de chuvas. É comum que, na Floresta Amazônica, durante o dia faça um grande calor, e ao final da tarde cheguem fortes chuvas.

Quanto aos animais, em sua maioria, vivem nas árvores e são de pequeno ou médio porte. São eles os macacos, cobras, tucanos, pica-paus, roedores, marsupiais, morcegos e diversos outros como estes. Os rios amazonas e seus afluentes cortam a região e apresentam uma diversidade muito grande de espécies de peixes.

O que a prejudica?

A floresta tem sido prejudicada por muitas práticas advindas dos seres humanos. Entre os principais, temos o desmatamento ilegal e predatório que atuam na destruição da floresta devido às madeireiras que se instalam por lá para cortar e poder comercializar as madeiras de árvores nobres. Além disso, há a queimada para ampliação de área de cultivo, provocadas por fazendeiros, além da biopirataria. Esta última é feita por cientistas estrangeiros que obtêm, sem autorização, amostras das plantas ou dos animais e levando para seus países para realizar estudos e desenvolver substâncias. Com isso, registram patente obrigando ao Brasil a pagar – futuramente – para utilizar as substâncias que são originais do próprio país.

Além disso, houve a descoberta de ouro, principalmente na parte da Floresta Amazônica localizada no Pará. Por isso, muitos rios acabam sendo contaminados com o mercúrio, substância usada para o garimpo. Isso prejudica não apenas a Floresta, mas também aos Índios que dependem da água e dos peixes para sobreviver.


Reportar erro