História e significado da bandeira da Venezuela

Em 1806, o venezuelano Francisco Miranda ergueu em seu navio uma bandeira com as atuais cores da bandeira do país. Esse símbolo foi adotado pelo Congresso


Em 1806, o venezuelano Francisco Miranda, considerado um herói, ergueu em seu navio uma bandeira com as atuais cores da bandeira do país.

Esse mesmo símbolo foi adotado cinco anos depois pelo Congresso. Ela foi hasteada pela primeira vez no dia 14 de julho de 1811.

Em memória a Miranda, o presidente venezuelano Rómulo Betancourt declarou, em 1963, o dia 12 de Março como o Dia Nacional da Bandeira.

Significado da bandeira da Venezuela

A bandeira da Venezuela é composta por três cores na horizontal que são simetricamente iguais. De cima para baixo, a primeira coloração é o amarelo. Ele representa as riquezas que existem no país.
historia-e-significado-da-bandeira-da-venezuela

Foto: depositphotos

A segunda cor é o azul. Ele remete à água do mar que banha o litoral venezuelano e que separa o país da Espanha.

E o vermelho simboliza o sangue derramado por todas as pessoas que lutaram pela independência no país.

No meio da bandeira há o desenho de oito estrelas formando um arco. Até 2006, elas eram somente sete estrelas que representam todas as províncias que assinaram o Ato da Independência, em 1811. Mas a oitava estrela foi adicionada como forma de homenagear a honra de Simón Bolívar.

Simón Bolívar também é considerado um grande herói. Ele lutou pela independência da Venezuela e de vários outros países da América do Sul. A Colômbia, por exemplo, ela tem esse nome em homenagem a ele.


Reportar erro