Ilhas de Calor

Os fenômenos climáticos urbanos que consistem no aumento intenso das temperaturas nos espaços mais urbanizados recebem o nome de Ilhas de Calor. A ilha…


Os fenômenos climáticos urbanos que consistem no aumento intenso das temperaturas nos espaços mais urbanizados recebem o nome de Ilhas de Calor. A ilha de calor é caracterizada pela diferença de temperatura das áreas urbanas para as rurais, mesmo quando se trata de uma única cidade. Pode-se usar como exemplo a cidade de São Paulo, que já teve uma diferença de 10°C entre o centro e as periferias. O fenômeno provoca desconforto quando andamos em ruas cercadas de asfalto, prédios e com poucas árvores. Além disso, gera um gasto maior de energia devido ao uso excessivo de aparelhos como o ar condicionado para refrigerar casas, escritórios e escolas, por exemplo.

Ilhas de Calor

Foto: Reprodução

O que provoca?

Existem alguns fatores que contribuem para a formação das ilhas de calor. Esses fatores envolvem:

  • Ausência de árvores, uma vez que as plantas ajudam a aumentar a umidade do ar e diminuir temperatura. Ao serem removidas para dar espaço para as construções, os ambientes tornam-se mais quentes. Em locais com vegetação, grandes áreas verdes e mais solo sem asfalto ou calçadas, a absorção da radiação solar é feita normalmente, sendo dissipada com os ventos.
  • Presença de asfalto e construções nas cidades contribuem por aumentar a absorção do calor, refletindo para o meio. A radiação solar é absorvida e armazenada durante todo o dia, sendo eliminada durante a noite, tornando dessa forma os ambientes das cidades ainda mais quentes.
  • Menos infiltração dos solos, fator que acontece devido a cobertura do solo por concreto e asfalto, dificultando o acúmulo e a infiltração da água no solo. Dessa forma, diminui o nível da evaporação, elemento que aumenta a umidade, e ajuda a controlar a temperatura.
  • Construção de prédios é outro fator que influencia a temperatura das cidades. Isso por reduzir a circulação do ar, impedindo o vento fresco de passar pela cidade com os paredões formados pelos prédios.
  • Alto nível de poluição emitida pelos carros, fábricas e outros poluentes, contribuem para a retenção da radiação solar, produzindo o efeito estufa na cidade. Isso acontece devido a formação de uma camada que barra a reflexão natural dos raios solares, tornando ainda maior a sensação de calor nos centros urbanos.

O que fazer para melhorar a situação das cidades

Além dos fatores citados acima, encontramos as Ilhas de calor associadas a outros problemas como a inversão térmica. Isso torna a vida mais difícil devido as temperaturas altas. Por isso, é preciso que população e governos tomem atitudes para diminuir a emissão de poluentes e o desmatamento, de forma a reduzir os efeitos negativos que provocam nas cidades, como as ilhas de calor. A diminuição da emissão da poluição por carros e fábricas deve ser reduzido, e a quantidade de plantas e árvores aumentada. Isso já ajudaria a reduzir os efeitos das ilhas de calor.


Reportar erro