Leitura infantil: conheça 2 formas de incentivar seu filho

As duas maneiras de ensinar as crianças à gostarem dos livros e de lerem, indicadas por especialista, envolvem à família como um todo. Confira


Já dizia o escritor Carlos Drummond de Andrade: “A leitura é uma fonte inesgotável de prazer mas por incrível que pareça, a quase totalidade, não sente esta sede”. Infelizmente, ler se tornou um hábito pouco comum dentro da sociedade e a culpa deste hábito ter sido esquecido pelas pessoas. Um dos indicativos, a evolução da tecnologia, foi que deu outras formas de entretenimento aos mais diversos públicos.

Porém, a tecnologia não é a única responsável pela falta de leitura. A falta de influência por parte dos pais também é um problema. De acordo com uma pesquisa realizada pela Fundação Itaú Social, 96% dos entrevistados considerarem importante a leitura na infância, porém apenas 37% têm o hábito de ler para os pequenos.

Estes números são preocupantes, segundo a psicopedagoga Thalita Thomé, mas há, pelos menos, duas formas de reverter esta situação.

Leitura infantil: conheça duas formas de incentivar seu filho

Foto: depositphotos

Maneiras de incentivar a leitura das crianças

As duas maneiras de ensinar as crianças à gostarem dos livros e de lerem, indicadas por Thalita, que também é coordenadora pedagógica da Ensina Mais – rede de apoio escolar para alunos do Ensino Fundamental -, envolvem à família como um todo. Para a professora, não há como incentivar os pequenos, sem mostrar interesse neste campo. Por esta razão, as dicas são:

1. Pais lerem livros para os filhos

As crianças se espelham nos adultos, por isso que elas buscam copiar todas as atitudes dos mais velhos que estão ao seu redor. Assim, ler para os pequenos é uma forma de incentivá-los a praticarem a leitura sozinhos. “Quando os pais se sentam com os filhos para ler criam um laço afetivo entre a criança e os livros, além de ser um momento muito especial de interação da família”, afirma a pedagoga.

2. Estimular a criatividade

Outra maneira de estimular a leitura na infância é apostar na criatividade durante as histórias lidas, afinal tudo o que é divertido é mais atrativo. “Os livros têm o poder de transportar a criança para outro mundo e ampliar seus conhecimentos de uma forma gostosa e divertida. Por isso, os pais podem usar a criatividade com teatros, usar objetos que tenham em casa, tudo para fazer a criança se sentir parte da aventura”, acrescenta Thalita.

Dicas de leitura da psicopedagoga

Ler é também um ato revolucionário, pois ensina determinados valores ao leitor. Por esta razão, é importante incentivar a leitura logo na infância, criando um senso crítico nos pequenos. Desta forma, Thalita indica três obras que conseguem estimular pensamentos diversos nas crianças, são eles: “Bruxa, Bruxa, venha a minha festa”, “ A menina bonita do laço de fita” e “Pedro e Tina”.

“Esses contos trazem uma abordagem muito bacana sobre diversidade de raças, laços de amizades e como enfrentar o medo, que são temas muito propícios para essa faixa etária”, finaliza a psicopedagoga.


Reportar erro