Métricas na poesia

A palavra “poesia” vem do grego poiésis, que significa criação, fabricação. A poesia, ou gênero lírico, é uma das sete artes tradicionais, pela qual…


A palavra “poesia” vem do grego poiésis, que significa criação, fabricação. A poesia, ou gênero lírico, é uma das sete artes tradicionais, pela qual a linguagem humana é utilizada com fins estéticos. É comum encontrar definições de poesia que se referem à sua emoção, beleza e concisão ao resumir uma experiência universal.

Métricas na poesia

Foto: Reprodução

Prosa e poesia

A prosa é uma escrita contínua, sem pausas, métrica ou ritmo. As narrativas, como o conto, a novela ou o romance, são escritos em prosa. Mas, há exceções: algumas grandes obras narrativas, como a Odisséia ou a Ilíada, foram escritas em versos. Podemos encontrar também os poemas em prosa, e eles possuem todas as características da poesia, como os temas, estilo e inspiração.

Pode-se dizer que a poesia é uma obra curta, escrita em versos e tem uma relação direta e intensa com a língua em que é escrito. O poeta comunica-se através de sons e imagens, percebendo, criando e comparando relações entre o que vê, imagina, sente e pensa. É importante ressaltar que não é o próprio autor que se expressa na poesia, e sim o “Eu poético” ou “Eu lírico”, que é uma criação literária, um “eu” fictício.

A métrica na poesia

O metro é a medida do verso de uma poesia. Em línguas como o grego e o latim (línguas clássicas), a medida dos versos é indicada pela alternância de sílabas longas e breves. Na Língua Portuguesa, a medida dos versos é indicada pelo número de sílabas que ele apresenta. A metrificação é o estudo da medida de cada verso e escansão é a contagem das sílabas poéticas.

A contagem das sílabas poéticas é um processo que auxilia na criação do ritmo e melodia desejados pelo poeta. As sílabas ou sons são contados até a tônica da última palavra de um verso. Confira o exemplo a seguir:

A-mo-te,ó-cruz,no-vér-ti-ce-fir-ma/da = 10 sílabas

De es-plên-di-das-i-gre/jas = 6 sílabas

Mi-nha-mu-lher-ex-pi-rou = 7 sílabas

E as-bre/ves = 2 sílabas

Vir-gem-das-do/res = 4 sílabas

Estrofe

A estrofe é um conjunto de versos. Quando se fala em estrofes, um dos exemplos mais lembrados é o soneto, um poema que apresenta quatro estrofes, sendo dois quartetos (estrofes de quatro versos) e dois tercetos (estrofes de três versos).

A sonoridade peculiar de um poema pode ser obtido através de rimas, estribilhos, repetições e variações de sons. Muitos recursos auxiliam na criação dos efeitos rítmicos de uma poesia.


Reportar erro