Neoliberalismo

O conjunto de ideias políticas e econômicas capitalistas que defende a ausência do estado na participação da economia, é denominado neoliberalismo. A doutrina determina…


O conjunto de ideias políticas e econômicas capitalistas que defende a ausência do estado na participação da economia, é denominado neoliberalismo. A doutrina determina que deve haver liberdade completa de comércio, pois isso garantiria o crescimento econômico e o desenvolvimento social de um país.

Neoliberalismo

Foto: Reprodução

Contexto histórico

A mudança da postura liberal em relação à interferência do estado no setor econômico das democracias capitalistas que apareceu na década de 1930 durante a grande depressão, defendia a intervenção do governo na economia, para que fossem contidos e amenizados os efeitos sociais ocasionados pela crise econômica. O conceito de neoliberalismo surgiu na década de 1970. O surgimento se deu por meio da Escola Monetarista, do economista Milton Friedman, e foi desenvolvido como uma forma de solucionar a crise que atingiu a economia mundial no ano de 1973, ocasionada pelo aumento excessivo do preço do petróleo.

A onda liberalizante mais recente conhecida como neoliberalismo, teve início com a queda do Muro de Berlim, promovida pelo FMI e economistas liberais – como Milton Friedman – e seguidores da Escola de Chicago, além de outros que afirmavam que o neoliberalismo seria a solução para os problemas econômicos mundiais, auxiliando na redução da pobreza e na aceleração do desenvolvimento global.

Princípios básicos do neoliberalismo

O neoliberalismo é o pensamento que tem como prioridades a mínima participação estatal na economia de um país, além de pouca intervenção do governo no mercado de trabalho. Entre seus princípios, estão ainda a política de privatização de empresas estatais, a livre circulação de capitais internacionais e ênfase na globalização, abertura da economia para a entrada de multinacionais, adoção de medidas contra o protecionismo econômico, desburocratização do estado por meio de leis e regras econômicas mais simples, diminuição do tamanho do estado para torná-lo mais eficiente. Além disso, o pensamento e seus defensores são contrários aos impostos e tributos excessivos, ao controle de preços dos produtos e serviços por parte do estado – lei da demanda e da oferta basta para regular os preços e buscavam o aumento da produção com intuito de atingir o desenvolvimento econômico. As ideias neoliberalistas defendem ainda os princípios econômicos do capitalismo e que a base da economia deve ser formada por empresas privadas.

Pontos positivos

Do ponto de vista dos defensores, o neoliberalismo é capaz de proporcionar desenvolvimento social e econômico dentro de um país, além de deixar a economia mais competitiva proporcionando o desenvolvimento tecnológico. Ainda dentro dos ideais de quem defende o neoliberalismo, este também seria capaz, por meio da livre concorrência, de fazer com que os preços e a inflação caiam.


Reportar erro