Os mais devastadores terremotos que já abalaram o mundo

Alguns terremotos ocorreram de forma tão violenta que foram capazes de destruir cidades, matar centenas de pessoas e deixar milhares sem abrigo. Confira


A Terra é formada por placas gigantescas dispostas debaixo do solo, nas camadas mais internas do Planeta. Quando algumas delas se deslocam, a energia acumulada do local espalha-se em forma de ondas elásticas e é exatamente esta difusão que faz a Terra tremer, dando origem aos famosos e tão temíveis terremotos.

Ao longo de toda a história, muitos foram os fenômenos sísmicos que abalaram as estruturas terrestres. Entretanto, alguns deles ocorreram de forma tão violenta que foram capazes de destruir cidades, matar centenas de pessoas e deixar milhares sem abrigo. Conheça agora 10 dos mais devastadores terremotos de todos os tempos.

Os mais devastadores terremotos que já abalaram o mundo

Foto: Depositphotos

Sumatra (2004)

Em 2004, o mundo ficou chocado com tragédia que acometeu Sumatra, na Indonésia, e mais outros 14 países. O terremoto de magnitude 9,1 foi o suficiente para provocar um enorme tsunami. Juntando os dois fenômenos naturais, os órgãos públicos registraram mais de 230 mil mortes em toda a extensão afetada e mais de dois milhões de pessoas desabrigadas.

Haiti (2010)

Duzentas mil mortes, um milhão de desabrigados e grande parte da principal cidade, Porto Príncipe, destruída. Estes foram os números e as situações que retratam os estragos provocados pelo terremoto originado no Haiti, em 2010. O fenômeno teve sua magnitude registrada em 7 e foi o suficiente para abalar o país emocionalmente pelo número expressivo de vítimas.

China (2008)

Marcando 8 de magnitude, este terremoto causou a morte de quase 90 mil pessoas, no primeiro semestre de 2008. A maioria das vítimas estavam localizadas na província de Sichuan. Por toda esta devastação, este fenômeno foi considerado o mais mortífero da China no período de 32 anos.

Paquistão e Índia (2005)

Sendo dois países vizinhos, o Paquistão e a Índia dividiram uma tragédia que carrega 75 mil mortos. O fenômeno em questão trata-se do terremoto de 2005, que ocorreu mais precisamente em Caxemira.

Japão (2011)

Com a magnitude marcando 9, o terremoto que atingiu o Japão em 2011 gerou um tsunami e causou uma das maiores tragédias já vistas por causas naturais. Foram aproximadamente 15 mil mortos, seis mil feridos e 2.600 pessoas desaparecidas. Além disso, algumas cidades ficaram devastadas.

Nepal (1934)

Em 2015, o Nepal foi atingindo por um terremoto de magnitude 7.8. Estima-se que este fenômeno matou, aproximadamente, 2.500 pessoas. Todavia, mesmo sendo grave, está longe de ter sido o pior acontecimento deste país. Isso porque, em 1934, um outro terremoto com magnitude de 8.4 deixou 10 mil mortos.

Indonésia (2006)

A data 27 de maio de 2006 marcou a história da região de Yogyakarta, na ilha de Java. Isso devido ao fato de que neste dia um terremoto deixou seis mil pessoas mortas e mais um milhão sem abrigo.

Assam e Tibete (1950)

Marcando 8.6 pontos na escala Richter, o terremoto que atingiu as regiões do Tibete e de Assam foi responsável pela morte de três mil pessoas, em 1950.

Rússia (1952)

Um terremoto no Oceano Pacífico de 9 pontos resultou em um tsunami, que atingiu a região da península de Kamkatcha, na Rússia. As mortes contabilizadas por órgãos responsáveis indicaram que pouco mais de duas mil pessoas teriam morrido.

Chile (1960)

O terremoto que amedrontou o Chile em 1960 provocou um tsunami com ondas de até 10 metros de altura. Estima-se que duas mil pessoas foram vítimas fatais deste fenômeno que chegou a atingir Havaí, Japão, Nova Zelândia e Austrália.


Reportar erro