Povos Vikings – História desta civilização

Conheça a história dos povos Vikings e saiba como funcionava a política, religião (deuses como Thor e Odin) e modo de vida desta civilização


Os vikings são uma civilização muito antiga que originou-se na região da Escandinávia, lugar que hoje compreende alguns países da Europa, como: Noruega, Suécia e Dinamarca. Esses povos também eram conhecidos por nomes como “nórdicos” ou até “normandos” e possuíam uma das culturas mais ricas já conhecidas, tudo graças às atividades de artesanato, agricultura e claro, ao comércio marítimo, um dos pontos mais importantes na história dessa civilização.

Povos Vikings - História desta civilização

Imagem: Reprodução

Foi essa vida voltada quase que inteiramente para os mares que abriu as portas para outra atividade: a pirataria, que tornou-se um dos pilares econômicos dos vikings. Eles conquistaram e saquearam inúmeras terras durante as incursões que realizavam pela Europa Continental. Uma das terras mais conhecidas que foram conquistadas por eles foi a região da Bretanha, onde hoje localiza-se o Reino Unido. O auge dessas conquistas e poder dos vikings ocorreu durante os séculos VIII e XI.

Como viviam

Os vikings possuíam habitações extremamente simples, onde usavam como matérias primas básicas a madeira, pedras e relva seca. Quando analisamos também a distribuição espacial da residência, percebemos uma formação simples, onde muitas vezes só existia apenas um cômodo na casa inteira. Já nas famílias que possuíam um pouco mais de riquezas, podemos perceber uma divisão mais complexa da residência, com vários cômodos, como sala, quartos e cozinha.

Por viverem em regiões de temperatura baixa, os vikings necessitavam constantemente de se aquecer. Para isso, usavam vestimentas que amenizassem o frio, combinando peças em couro e pele com tecidos grossos e pesados e que fossem capazes de manter o corpo aquecido. É importante destacar também a paixão desses povos pelo uso de acessórios, que podiam ser de pedras ou metais.

Na organização familiar, haviam alguns traços patriarcais, com o homem no centro do sustento e defesa da família. A mulher dedicava-se aos serviços domésticos, como o preparo da comida e realização de algumas atividades mais simples. Os pais também eram responsáveis pela educação dos seus filhos, tendo que ensinar-lhes todos os ofícios e tradições do seu povo.

Política

A principal autoridade política dos vikings era o rei. Logo abaixo, estavam os chefes tribais e os condes, que assim como o rei, possuíam o poder de mandar na população, sendo autoridades inquestionáveis. Era comum que os vikings se reunissem ao ar livre para discutirem as suas leis e formas de punição para determinados crimes, como uma forma de manter a civilização organizada.

Religião

Os vikings cultuavam vários deuses, que eram venerados em eventos coletivos. Existem várias histórias e mitos sobre as lutas entre os deuses, gigantes e seres divinos. Odin, por exemplo, era o deus mais poderoso e Thor, uma divindade que também era adorada como protetor de todo o povo viking.

Mas essa religião começou a ser substituída aos poucos pela católica, durante a evangelização da Europa durante o período medieval. Mas o que marcou a desintegração dessa civilização foram os conflitos contra os nobres da Normandia e os Ingleses. Mesmo assim, a cultura viking permanece viva em algumas manifestações culturais da Europa.


Reportar erro