Pronomes

Você sabe o que são pronomes? Como podem ser utilizados e quais suas funções? Descubra essas respostas aqui


Pronomes são palavras que substituem ou determinam os substantivos, indicando a pessoa do discurso. Assim como outras classes gramaticais, os pronomes também são variáveis, sofrendo flexão quanto ao gênero, número e grau.

Há seis tipos de pronomes: pessoais, possessivos, demonstrativos, indefinidos, relativos e interrogativos. Os pronomes também podem ser classificados em substantivos e adjetivos. Veremos cada um deles detalhadamente neste artigo. 

Pronomes substantivos e pronomes adjetivos

Observe a frase a seguir:

Peguei teu carro, mas não o bati.

No exemplo acima, a palavra “o” é pronome substantivo, porque substitui o substantivo “carro”, ao passo que “teu” é pronome adjetivo, pois determina o substantivo junto do qual se encontra.

Pronomes

Foto: depositphotos

Classificação dos pronomes 

Pronomes pessoais

Os pronomes pessoais são aqueles que indicam as pessoas do discurso. Subdividem-se em pronomes pessoais do caso reto, pronomes pessoais oblíquos e pronomes pessoais de tratamento.

Pronomes pessoais do caso reto

Geralmente funcionam como sujeito da oração. São eles:

Eu – 1ª pessoa do singular
Tu – 2ª pessoa do singular
Ele/ela – 3ª pessoa do singular
Nós – 1ª pessoa do plural
Vós – 2ª pessoa do plural
Eles/elas – 3ª pessoa do plural

Pronomes pessoais oblíquos

Funcionam como objetos ou complementos.

– Pronomes oblíquos átonos: me, te, o, a, lhe, se, nos, vos, os, as, lhes.
– Pronomes oblíquos tônicos: mim, ti, ele/ela, si, nós, vós, eles/elas. 

Pronomes de tratamento

São usados no trato com outras pessoas, podendo ser familiar (informal) ou cerimonioso. Alguns dos pronomes de tratamento são os seguintes: você, senhor, senhora, senhorita, Vossa Senhoria, Vossa Excelência, Vossa Santidade, Vossa Majestade etc.

Pronomes possessivos

Indicam relação de posse. São eles: meu, minha, meus, minhas, teu, tua, teus, tuas, seu, sua, seus, suas, nosso, nossa, nossos, nossas, vosso, vossa, vossos, vossas, seu, sua, seus, suas. 

Pronomes demonstrativos

Indicam o lugar, a posição ou a identidade dos seres, relativamente às pessoas do discurso. São eles: este, esta, estes, estas, isto, esse, essa, esses, essas, isso, aquele, aquela, aqueles, aquelas, aquilo.

Pronomes indefinidos

Referem-se à 3ª pessoa do discurso, designando-a de modo vago, impreciso, indeterminado. Alguns dos pronomes indefinidos são: alguém, ninguém, tudo, nada, outrem, cada, algo, algum, algumas, nenhuma, todo, outro etc.

Pronomes relativos

Os pronomes relativos representam substantivos que já foram citados anteriormente, com os quais estão relacionados. Confira o exemplo a seguir:

O lugar onde paramos era escuro. (Onde é o pronome relativo que representa o lugar)

Os pronomes relativos são: que, quem, onde, o qual, a qual, os quais, as quais, cujo, cuja, cujos, cujas, quanto, quanta, quantos, quantas.

Pronomes interrogativos

São utilizados em frases interrogativas e referem-se de modo impreciso à 3ª pessoa do discurso.

Confira alguns exemplos a seguir:

Quantos vêm à festa?
Quem foi?
Quantas pessoas moram na sua casa?
Que dia é hoje?

 

*Débora Silva é graduada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas).


Informar erro