Pronomes

Ao estudar gramática, percebemos que existem várias classes gramaticais e cada palavra possui uma classificação. Entre essas classes temos os pronomes, que são aquelas…


Ao estudar gramática, percebemos que existem várias classes gramaticais e cada palavra possui uma classificação. Entre essas classes temos os pronomes, que são aquelas palavras que acompanham ou substituem um nome. Veja agora um pouco mais sobre eles.

Pronomes

Foto: Reprodução

As funções do pronome

Os pronomes podem possuir duas funções diferentes, isso depende do contexto e de como é empregado nas frases. Veja agora essas funções.

  • Substituir o nome – quando isso corre chamamos o pronome de pronome substantivo e compõe o núcleo de um grupo nominal. Exemplo: Quando fui embora ele passou a tarde reclamando. (ele é o núcleo da segunda oração e classifica-se como um pronome substantivo, pois está substituindo um nome).
  • Referir-se ao nome – quando isso ocorre chamamos o pronome de pronome adjetivo, este, forma uma palavra dependente do grupo nominal. Exemplo: Essa moça estava muito triste e parecia muito cansada. (o sujeito essa moça tem como núcleo o substantivo moça e como palavra dependente dele o pronome adjetivo essa).

As flexões do pronome

Quando falamos da forma, o pronome pode variar em gênero, número e pessoa. Veja essas flexões:

  • Quanto ao gênero – o pronome pode ser do gênero masculino ou feminino. Exemplos: Ele foi ao cinema. Ela foi ao cinema. Meu apartamento precisa ser reformado. Minha geladeira está muito conservada.
  • Quanto ao número – o pronome pode ser singular ou plural. Exemplos: Ela foi embora de casa logo cedo. Elas foram embora de casa logo cedo. Meu esmalte está dentro da maleta. Meus esmaltes estão dentro da maleta.
  • Quanto a pessoa – o pronome pode ser da primeira, segunda ou terceira pessoa. Exemplos: Eu fui embora. Tu foste embora. Ele foi embora. Meu apartamento. Teu apartamento. Seu apartamento.

Os tipos de pronome

Os pronomes podem ainda ser classificados em seis tipos diferentes, são eles: os pronomes pessoais, possessivos, demonstrativos, indefinidos, relativos e interrogativos. Veja a seguir cada um desses pronomes:

Pronomes pessoais – estes substituem os nomes e representam as pessoas do discurso.

  • 1ª pessoa: é a pessoa que fala – Eu/Nós
  • 2ª pessoa: é a pessoa com quem se fala – Tu/Vós
  • 3ª pessoa: é a pessoa de quem se fala – Ele/Ela/Eles/Elas

Os pronomes pessoais podem ainda ser classificados como pessoais retos e oblíquos. Os pronomes pessoais retos são aqueles que têm como função principal representar o sujeito ou predicativo. Já os pronomes pessoais oblíquos são aqueles que podem exercer função de complemento.

Pronomes possessivos

Os pronomes possessivos são aqueles que dão a ideia de posse. Veja na tabela abaixo os principais pronomes possessivos:

Pronomes possessivos

Foto: Cola da Web

Pronomes demonstrativos

Os pronomes demonstrativos possibilitam localizar o substantivo em relação às pessoas, ao tempo e a sua posição no interior de um discurso. Entre os pronomes demonstrativos, os mais usados são: este, esta, isto, estes, estas, esse, essa, esses, essas, aquele, aquela, aquilo, aqueles, aquelas.

Pronomes indefinidos

Os pronomes indefinidos acompanham o substantivo, porém eles não o determinam de forma precisa. Alguns dos pronomes indefinidos são: algum, cada, certo, diversos, nenhum, outro, qualquer, diferentes, qual, vários, todo, tudo, bastante e muitos outros.

Temos ainda algumas locuções pronominais indefinidas, como: cada qual, qualquer um, todo aquele, tal qual, seja qual for, uma ou outra…

Pronomes relativos

Os pronomes relativos são aqueles que representam nomes que já foram citados anteriormente e com os quais estão relacionados. Veja alguns exemplos:

A casa onde moro é muito boa.

Onde: é o pronome relativo que representa a casa.

Alguns pronomes que são utilizados como pronomes relativos são: o qual, a qual, os quais, as quais, quanto, quanta, quantos, quantas, quem, que, onde, cujo, cuja, cujos, cujas…

Pronomes interrogativos

Os pronomes interrogativos fazem com que o verbo fique na 3ª pessoa e são utilizados em frases interrogativas diretas ou indiretas. Não existem pronomes que são exclusivamente interrogativos, mas pronomes que possuem a função de pronomes interrogativos, como: que, quantos, quem, qual, quais…

Veja alguns exemplos:

Qual o nome daquela moça?

Ele perguntou qual o nome daquela moça.

Quantos anos você tem?


Reportar erro