Qual a diferença entre árabes e muçulmanos?

Uma pessoa árabe também pode ser muçulmana ou islâmica, mas isto nem sempre é verdade. Conheça a distinção entre árabes e muçulmanos


As expressões “árabe” e “muçulmano” costumam aparecer frequentemente nos noticiários e livros didáticos e, muitas vezes, pensamos que são exatamente a mesma coisa ou que um conceito está contido no outro. No entanto, este é um grande equívoco e as diferenças fundamentais entre ambas as expressões devem ser esclarecidas.

Distinção entre árabes e muçulmanos

Uma pessoa árabe também pode ser muçulmana ou islâmica, mas isto nem sempre é verdade. Mas então, qual é a diferença entre ambas as expressões?

Árabes

A expressão “árabe” refere-se à composição etnolinguística, representando a etnia dos povos que, originalmente, viviam na Arábia e agora estão espalhados pelo Oriente Médio. Esses povos estão unidos por uma língua e uma história comum. Os árabes vivem na Península Arábica, norte da África, Síria, Líbano, Iraque e Jordânia, convivendo com outros povos.

Qual a diferença entre árabes e muçulmanos?

Foto: Pixabay

Os árabes são grupos étnicos e seguem religiões diferentes, incluindo o cristianismo ou o judaísmo, embora a maioria da população seja muçulmana. A língua árabe é muito diversa e, dependendo das distâncias, as diferenças dialetais podem prejudicar muito a comunicação entre os indivíduos.

Ainda existem controvérsias a respeito do que é ser árabe ou um país árabe. Muitos afirmam que, se uma pessoa ou país adota o idioma, já é o suficiente para ser considerado árabe; para outros, os traços étnicos correspondem ao que pode ser considerado árabe. De acordo com a Liga Árabe, “um árabe é uma pessoa cuja língua é o árabe, que vive em um país de língua árabe e que tem simpatia com as aspirações dos povos de língua árabe”.

Os primeiros árabes eram as tribos do norte da Arábia que falavam dialetos protos e, hoje, considera-se que o “mundo árabe” é composto pelos seguintes 22 países: Arábia Saudita, Argélia, Barein, Catar, Comores, Djibuti, Egito, Emirados Árabes Unidos, Iêmen, Iraque, Jordânia, Kuwait, Líbano, Líbia, Mauritânia, Marrocos, Omã, Palestina, Somália, Sudão, Síria e Tunísia.

Muçulmanos

O termo “muçulmano” refere-se à religião do Islã. O maior país muçulmano é a Indonésia e não tem uma relação direta com a cultura árabe.

Enquanto o árabe representa etnia ou nacionalidade, o muçulmano é o indivíduo que aceitou a religião islâmica, testificando que “não há outro Deus além de Alá, e Maomé é o mensageiro e servo”.

Os muçulmanos residem em qualquer lugar ao redor do mundo e podem usar idiomas diferentes. Existem muçulmanos que não são árabes, como, por exemplo, os americanos, chineses, indonésios, turcos, persas e outros povos. O conjunto das diversas áreas praticantes do Islã recebe o nome de “umma” e está distribuída tradicionalmente pelo sudeste da Europa, partes da África e Ásia.


Reportar erro