Reinos bárbaros

Os povos bárbaros eram assim chamados pelos romanos, mas eram, na verdade, compostos pelos povos germânicos. Entre o final do século IV e o…


Os povos bárbaros eram assim chamados pelos romanos, mas eram, na verdade, compostos pelos povos germânicos. Entre o final do século IV e o começo do século VI os germânicos invadiram o Império Romano do Ocidente. A partir disso, começaram a se estabelecer em diversas regiões do continente formando reinos que fundiram culturas romanas e dos povos germânicos.

Esses reinos, formados a partir de então, passaram a ser governados por chefes de tribos germânicas e seus descendentes. Os líderes acabaram ficando com as melhores terras e foram os antecessores dos senhores feudais no período do feudalismo.

Organização dos reinos

A sua organização era muito simples, baseando-se em duas formas de governo:

A primeira, em tempos de paz, era feita por meio de uma assembleia de guerreiros composta por homens da tribo com idade adulta. Apesar de não ter poderes legislativos, controlavam as questões de guerra e paz e de migração da tribo.

A segunda, era dominante em tempos de guerra. Nesses momentos, a tribo passava a ser governada por comitatus, uma instituição que reunia um líder militar e seus guerreiros. O líder era eleito e chamado de Herzog, e tinha em suas mãos o controle de todos da tribo.

Sobreviviam da agricultura, da pesca e da caça e conviviam em sociedade patriarcal e casamento monogâmico, sendo que o adultério era severamente punido. A religião politeísta tinha como principais deuses relacionados à natureza, sentimentos e guerra.

Reinos bárbaros

Foto: Reprodução

Reinos

Os reinos possuíam estrutura independente com administração própria. Esse sistema foi mantido durante parte da Idade Média. Os principais reinos bárbaros foram:

  • Reino dos Anglo-Saxões localizado na faixa leste da Grã-Bretanha;
  • Reino dos Vândalos, localizado nas ilhas da Córsega, Sardenha e na costa norte da África. Atuavam sob a liderança de Genserico. Essa região, posteriormente, passou para o controle dos muçulmanos;
  • Reino dos Burgúdios, localizado na região central da Europa;
  • Reino dos Alamanos, onde atualmente é a República Tcheca;
  • Reino dos Suevos, ao noroeste da Península Ibérica;
  • Reino dos Ostrogodos onde atualmente é a Itália, Áustria, Sérvia, Eslovênia, Montenegro e Albânia. Estes buscaram manter as tradições romanas, mas quando o Império Bizantino conquistou a Itália, esta monarquia do rei Teodorico chegou ao fim.
  • Reino dos Francos, localizado onde atualmente é a França e a Bélgica. Este foi um dos principais durante a Alta Idade Média, essencialmente durante o reinado de Carlos Magno. Esse foi o que teve o maior tempo de duração e tornou-se posteriormente um império conhecido como Império Carolíngio.
  • O reino dos visigodos dominou a Espanha e todo o Sul da Gália, mas foram expulsos pelos Francos na Gália.

Reportar erro