Significado da bandeira da Bósnia e Herzegovina‎

A bandeira como conhecemos atualmente começou a ser usada a partir da independência do país, em 1998


A Bósnia-Herzegóvina faz limites com a Croácia (norte e oeste), Sérvia (leste) e Montenegro (sudeste). Quando o país declarou sua independência, iniciou-se uma guerra que resultou na morte de mais de 200 mil pessoas e aproximadamente 2,5 milhões de refugiados.

A independência do país é um marco muito importante para a Bósnia-Herzegóvina. Foi a partir dela que a bandeira como conhecemos atualmente começou a ser usada.

A atual bandeira do país foi desenhada por Carlos Westendorp e foi adotada em 4 de fevereiro de 1998, substituindo que era usada desde a independência da Bósnia (em 1991).

significado-da-bandeira-da-bosnia-e-herzegovina

Foto: Pixabay

Ela foi oficialmente apresentada durante a cerimônia inaugural do XVIII Jogos Olímpicos de Inverno, em 1998, no Japão.

A bandeira da Bósnia possui um fundo azul, com uma espécie de triângulo retângulo amarelo em cima e estrelas brancas próximo à essa figura geométrica.

Simbolismo

O triângulo retângulo na cor amarelo representa o formato triangular do território do país. As três pontas da forma geométrica também fazem referência aos três povos que fazem parte da Bósnia: os bósnios, servos e croatas.

No princípio, a tonalidade azul da bandeira era mais clara, o mesmo usado pelas Nações Unidas. Mas ela foi mudado para uma coloração mais escura para corresponder ao da bandeira europeia.

As estrelas (que são no total sete inteiras e duas pela metade) fazem menção à União Europeia. Elas supostamente têm um número infinito, por isso elas prolongam-se para além da bandeira.

As três cores que estão presentes na bandeira estão associadas a uma mensagem de paz e neutralidade.


Reportar erro