Solubilidade

Chamamos de solubilidade, a capacidade de uma substância se dissolver em outra. Cada substância sólida – soluto –  tem uma quantidade máxima que pode…


Chamamos de solubilidade, a capacidade de uma substância se dissolver em outra. Cada substância sólida – soluto –  tem uma quantidade máxima que pode ser dissolvida em cada líquido – solvente. A dissolução do soluto no solvente acontece quando ocorre a interação entre as moléculas de cada um deles. Por exemplo, quando uma substância iônica é dissolvida em água, os cátions da substância são atraídos pelo lado negativo da molécula da água, e os ânions pelos lados positivos. Este processo recebe o nome de hidratação.

Solubilidade

Foto: MEC | Reprodução

Para que ocorra a dissolução, uma ou mais substâncias soluto se misturam de forma homogênea ao solvente em questão. Apesar de existirem soluções sólidas, as líquidas são mais comuns.

Solução

Solução é qualquer mistura homogênea composta por um solvente e um soluto, pelo menos. São exemplos a água, os refrigerantes e produtos de limpeza. Ao contrário do que muitos pensam, soluções não são apenas as líquidas, também podem ser sólidas como o bronze e gasosas como o ar atmosférico. Os componentes das soluções são o solvente e o soluto.

Solvente: qualquer substância capaz de dissolver os solutos é chamada de solvente.

Soluto: o soluto normalmente é a menor parte de uma solução, e é a substância dissolvida no solvente.

Entre as soluções, encontramos três tipos: as saturadas, que constituem corpo de fundo, ou seja, a quantidade de soluto é superior à solubilidade em determinada temperatura no solvente. Ou seja, há excesso de soluto em relação ao valor do coeficiente de solubilidade, refletindo desta forma na sobra de material – corpo de fundo. Para exemplificar, uma situação do dia a dia: quando adicionamos achocolatado em excesso ao leite e sobra achocolatado ao fundo do copo, a solução será saturada.

Insaturadas, ao contrário da anterior, são aquelas que contém uma quantidade menor de soluto se comparada à sua solubilidade naquela temperatura. Ou seja, colocamos menos achocolatado do que o leite pode dissolver, de forma que não sobre corpo de fundo e ainda possa ser adicionada uma quantidade.

Solução supersaturada é quando o solvente e o soluto estão em uma temperatura em que seu coeficiente de solubilidade é maior, e ao resfriar ou esquentar, assumem um valor de solubilidade menor. Como consequência do resfriamento ou aquecimento da solução, o soluto permanece dissolvido somente quando o processo é feito de forma cuidadosa. A solução torna-se instável, de forma que qualquer vibração pode precipitar o soluto em excesso que antes estava dissolvido.

Coeficiente de solubilidade

A quantidade de soluto necessária para saturar uma quantidade padrão de solvente a uma determinada temperatura, é chamada de coeficiente de solubilidade. Todos os solutos possuem uma quantidade limite que pode ser totalmente dissolvida em cada um dos solventes. Essa quantidade limite é a solubilidade de determinado soluto em determinado solvente.


Reportar erro