Vida e obra de Mauricio de Sousa

Mauricio de Sousa é um cartunista e empresário brasileiro, nascido em Santa Isabel, São Paulo. Saiba mais sobre a vida e obra do criador da Turma da Mônica


Mauricio de Sousa é um cartunista e empresário brasileiro, nascido no dia 27 de outubro de 1935, na pequena cidade de Santa Isabel, no estado de São Paulo. Filho do poeta Antônio Mauricio de Sousa e da poetisa Petronilha Araújo de Sousa, Mauricio de Sousa é o mais famoso e premiado autor brasileiro de história em quadrinhos, pai da “Turma da Mônica” e de vários outros personagens.

A vida de Mauricio de Sousa

Com poucos meses de idade, Mauricio e sua família mudaram-se para a Mogi das Cruzes, cidade onde ele passou parte de sua infância. A outra parte foi vivida em São Paulo, cidade em que teve as suas primeiras aulas, no externato São Francisco. Continuou os estudos no primário e no ginásio, dividindo-se entre as cidades.

Além de estudar, trabalhou na rádio e, para ajudar no orçamento de casa, Mauricio de Sousa desenhava cartazes e pôsteres, enquanto sonhava com o dia em que poderia dedicar-se profissionalmente ao desenho.

Sousa chegou a fazer ilustrações para os jornais de Mogi e, um dia, pegou amostras do que já havia produzido e dirigiu-se a São Paulo para procurar um emprego. Conseguiu uma vaga de repórter policial no jornal Folha da Manhã e ali ficou 5 anos, até a época de decidir ir em busca de sua velha paixão: a arte.

Imagem do cartunista Mauricio de Souza

Foto: Wikimedia Commons

Mauricio criou uma série de tiras em quadrinhos com um cão chamado Bidu e seu dono Franjinha. Ofereceu o material para os redatores da Folha e as historietas foram aceitas, no ano de 1959.

A obra

Mauricio de Sousa iniciou a sua grande carreira como criador de histórias em quadrinhos em 18 de julho de 1959, quando o seu quadrinho protagonizado pelo cãozinho Bidu e seu dono Franjinha foi publicado em um jornal. A série de tiras em quadrinhos com os personagens eram publicadas semanalmente na Folha da Manhã. Posteriormente, Mauricio criou outras tirinhas de jornal, com personagens como Cebolinha, Penadinho, Horácio, Astronauta, Piteco, Chico Bento etc.

No ano de 1970, Sousa lançou a revista da Mônica, pela Editora Abril, com tiragem de 200 mil exemplares, e os seus trabalhos também começaram a ser conhecidos no exterior. Em 1986, o cartunista levou os seus personagens para a Editora Globo.

No ano de 1998, Mauricio de Sousa recebeu a medalha dos Direitos Humanos, das mãos do então presidente Fernando Henrique Cardoso. Em 2006, saiu da Editora Globo e levou a sua criação para a Editora Panini, uma multinacional italiana.

Atualmente, entre quadrinhos e tiras de jornais, as criações do grande cartunista brasileiro chegam a cerca de 50 países, com 1 bilhão de revistas publicadas, além de livros ilustrados, revistas de atividades, álbum de figurinhas, livros em braile, CDs e livros tridimensionais.

Além da Turma da Mônica, que é a principal, Mauricio de Sousa também é responsável pela turma do Chico Bento, a turma do Bidu, da Tina, do Pelezinho e do Piteco, dentre vários outros personagens.


Reportar erro