,

Abreviação

Com a evolução da tecnologia, podemos observar que as informações são rapidamente compartilhadas. Atualmente, é raro vermos alguém sem um celular conectado às redes sociais e aplicativos de mensagens. Todo esse avanço trouxe também a necessidade de nos comunicarmos de uma maneira ainda mais rápida, tendo em vista que, a cada dia, estamos conectados a um número maior de pessoas.

Com essa nova forma de nos comunicarmos, a língua portuguesa acabou sofrendo algumas alterações que ainda não são totalmente aceitas pela norma culta padrão. O ritmo acelerado da vida moderna, faz com que muitos falantes queiram economizar palavras e tempo, reduzindo frases, expressões e palavras. Neste artigo, abordaremos as abreviações

O que são abreviações?

As abreviações são formas de reduzir as palavras, a fim de facilitar e tornar a comunicação mais ágil. São bastante utilizadas em chats, e-mails, bilhetes, SMS, Whatsapp e redes sociais, especialmente pelos mais jovens. Confira alguns exemplos a seguir:

Abreviação

Imagem: Estudo Prático

Bjs (beijos)
Msg (mensagem)
Msm (mesmo)
Vc (você)
Pq (porque)
Tb (também)

Muitas abreviações não são reconhecidas pela norma, apenas pelos usuários da língua.

Regras

Apesar de algumas abreviações não serem reconhecidas pela norma, existem, sim, algumas regras que regem as abreviaturas e siglas. A abreviatura é parte da palavra escrita que indica ou resume a palavra, por meio da letra inicial; das letras ou sílabas iniciais; de letras iniciais, mediais ou finais.

De acordo com a norma padrão, a abreviatura deve ser feita seguindo a regra geral:

Primeira sílaba da palavra + a primeira letra da sílaba seguinte + ponto abreviativo.

Exemplos:

Adj. (adjetivo)
Ed. (edição)
Alt. (altitude)
Num. (numeral)

Outras regras devem ser observadas na hora de abreviar uma palavra. Confira a seguir:

  • As palavras devem ser cortadas em consoantes, nunca em vogais. Se a primeira letra da segunda sílaba for uma vogal, o correto é escrever a palavra até a consoante seguinte;
  • Caso haja acento na primeira sílaba da palavra, ele deve ser mantido (Exemplo: séc. = século);
  • Se a segunda sílaba for iniciada por duas consoantes, as duas devem estar presentes na abreviação (Exemplo: constr. = construção).

É importante ressaltar que existem ainda os casos que não obedecem nenhuma regra em particular. Vejamos alguns exemplos de abreviaturas a seguir:

Gram. – gramática
A.C. – antes de Cristo
Apto. – apartamento
Cia. – companhia
Ltda. – limitada
Id. – idem

Siglas

A sigla é um tipo de abreviatura utilizada para reduzir nomes de associações, sociedades, empresas e afins.

Exemplos:

ONU = Organização das Nações Unidas
ABNT = Associação Brasileira de Normas Técnicas
IBGE = Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

 

*Débora Silva é graduada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas).