,

Biografia e principais obras de Camilo José Cela

O escritor é um dos principais representantes da corrente conhecida como “Tremendismo”

Camilo José Cela Trulock, primeiro marquês de Iria Flavia (título nobiliário concedido pela Coroa espanhola), foi um escritor espanhol, nascido em Padrón (Corunha, Galiza, no noroeste da Espanha), no dia 11 de maio de 1916. É considerado o primeiro escritor importante surgido após a Guerra Civil Espanhola, representante da corrente conhecida como “Tremendismo”.

O escritor faleceu no dia 17 de janeiro de 2002, em Madrid.

Biografia do escritor espanhol, Camilo José Cela

Em 1934, Camilo José Cela entra na Faculdade de Medicina da Universidade Complutense de Madrid, mas a abandona para assistir a algumas aulas de Filosofia e Letras.

Lá, Cela recebe estímulo e conselhos do poeta Pedro Salinas. Tal encontro foi muito importante para o jovem, que se decide pela sua vocação literária. Em plena guerra, termina sua primeira obra, o livro de poemas “Pisando la dudosa luz del día.”

Camilo José Cela foi escolhido para ocupar a cadeira Q da Real Academia Española

Camilo José Cela foi um célebre escrito espanhol (Foto: Reprodução | El Confidencial)

Lutou na Guerra Civil, integrado no exército nacionalista de Francisco Franco, até ser ferido por uma granada errante. Ao término da guerra, dedicou-se ao jornalismo e ocupou vários cargos de caráter burocrático.

Em 1944, casou-se com Rosario Conde Picavea, com quem teve um filho, Camilo José Cela Conde.

Sua primeira grande obra, “La familia de Pascual Duarte”, foi publicada em 1942. O seu lançamento foi um acontecimento de singular importância literária e deu lugar a uma corrente conhecida como “Tremendismo”.

Veja também: Saiba quem são os principais poetas europeus

Em 1954, Cela muda-se para a ilha de Mallorca, onde viveu boa parte de sua vida. Em 1957, o escritor foi escolhido para ocupar a cadeira Q da Real Academia Española. A carreira literária de Cela foi marcada pela aceitação inicial e o posterior rechaço às regras ditatoriais fascistas, enfatizando imagens violentas e grotescas.

Além de novelas, Camilo José Cela também escreveu poesia e contos, com a descrição de tipos populares e pitorescos. Em 1989, o escritor recebeu o Prêmio Nobel. Em 1994, recebeu outros importantes prêmios: o Planeta, por seu romance “A cruz de Santo André”, e o “Cervantes”.

Principais obras de Camilo José Cela

Confira a seguir quais são as principais obras do escritor espanhol Camilo José Cela:

Veja também: Descubra quem são os poetas latino-americanos mais expressivos

-La familia de Pascual Duarte (1942)
-Pabellón de reposo (1943)
-Nuevas andanzas y desventuras de Lazarillo de Tormes (1944)
-Pisando la dudosa luz del día (1945)
-Viaje a la Alcarria (1948)
-La colmena (1951)
-Mrs Caldwell habla con su hijo (1953)
-La catira (1955)
-Judíos, moros y cristianos (1956)
-Tobogán de hambrientos (1962)
-Viaje al Pirineo de Lérida (1965)
-San Camilo 1936 (1969)
-Ofício de trevas 5 – no original Oficio de tinieblas 5 (1973)
-Rol de cornudos (1976)
-Mazurca para dois mortos
-Izas, rabizas y colipoterras. Drama con acompañamiento de cachondeo y dolor de corazón (1984)
-Nuevo viaje a la Alcarria (1987)
-Cristo versus Arizona (1988)
-Memorias, entendimientos y voluntades (1993)
-El asesinato del perdedor (1994)
-La cruz de San Andrés (1994)
-Poesía completa (1996)
-Madera de Boj (1999)

Sobre o autor

Avatar
Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.