Clima subtropical

Muito comum no mundo, o clima subtropical está presente também em várias regiões do Brasil. Conheça suas características de clima e vegetação

O Clima Subtropical é encontrado em áreas de médias latitudes, sendo que nestes ambientes começam a ser perceptíveis as quatro estações do ano (verão, outono, inverno e primavera). As chuvas são bem distribuídas no decorrer do ano, com um elevado índice pluviométrico. A amplitude térmica anual é significativa, com uma ampla variação de temperaturas anuais. 

O Clima Subtropical

Esse tipo de clima ocorre predominantemente em áreas do globo localizadas em latitudes médias (25º ao Norte e 35º ao Sul). Há a ocorrência de chuvas bem distribuídas no decorrer do ano, as quais ocorrem com abundância, com índices pluviométricos entre os 1250 e 2000 milímetros.

Há uma variação de temperaturas expressivas no decorrer do ano, ou seja, uma grande amplitude térmica anual. Os verões são bastante quentes, enquanto os invernos são muito frios. As temperaturas variam entre os 30ºC e 0ºC, podendo ultrapassar esses limites. Nos invernos são comuns as geadas, podendo ocorrer também neve em momentos específicos do ano e em algumas regiões.   

Clima subtropical

Foto: Pixabay

Onde ocorre o Clima Subtropical?

No caso brasileiro, o Clima Subtropical ocorre nas regiões ao Sul do Trópico de Capricórnio, ou seja, na região mais ao Sul do Brasil. São abrangidos por este tipo de clima a região Sul de São Paulo, o estado do Paraná, Santa Catarina e o Rio Grande do Sul. Por ser um tipo de clima que está localizado entre o Clima Tropical e o Clima Temperado, ele pode receber outras nomenclaturas no mundo.

No Brasil, ele é conhecido como Clima Subtropical por estar em uma região ao Sul do Trópico de Capricórnio, mas no mundo ele é conhecido mais como Clima Temperado. Esse tipo de clima ocorre ao Norte do Trópico de Câncer, na América do Norte, Sudeste do continente americano, região central, Norte e Sul do continente africano, Austrália, região Sudeste da China, na Península Arábica e ainda no Norte da Índia. No caso da América do Sul, ele ocorre em regiões da Argentina, do Uruguai, do Paraguai e do Brasil.

O Clima Subtropical Úmido no Brasil

Esse tipo de clima está presente no território brasileiro que abrange as áreas que se localizam na parte meridional (Sul) do Trópico de Capricórnio. Nesta região, há um predomínio da Massa Tropical Atlântica, onde as chuvas são comuns e frequentes nos verões, enquanto nos invernos é comum a entrada da massa de ar polar, baixando bruscamente as temperaturas registradas na região.

Nos invernos ocorrem as chamadas “chuvas frontais”, as quais são originadas a partir do contato das frentes de ar quente e fria, quando ocorre a condensação do vapor de água contido na atmosfera. As chuvas são bem distribuídas durante o ano, predominando no verão, e são registrados altos índices pluviométricos, com médias anuais podendo ficar superiores aos 1500 milímetros ao ano.

Clima subtropical - Chuvas

Foto: depositphotos

Amplitude térmica

Diferentemente dos demais climas brasileiros, com predominância tropical, com temperaturas elevadas, o Clima Subtropical Úmido é caracterizado por temperaturas amenas, mesotérmico. A amplitude térmica anual é elevada neste tipo de clima, sendo a mais significativa dentre os climas brasileiros.

Os invernos são frios, chegando a temperaturas que ficam mais baixas do que 0ºC, com geadas e neves em alguns pontos. Já os verões são quentes, podendo chegar próximo aos 40ºC. No Brasil não há outonos e primaveras bem definidos, embora sejam teoricamente referenciados. Essas duas estações intermediárias são mais sentidas em relação ao processo vegetativo das plantas (folhas que caem no inverno, flores que nascem na primavera) do que necessariamente nas condições climáticas.

Segundo a classificação de Köppen Geiger, o Clima Subtropical pode ser dividido no Brasil entre Cfb – Clima temperado, com verão ameno e Cfa – Clima subtropical, com verão quente. O Cfb apresenta verões amenos, não chegando aos 22ºC, com chuvas uniformemente distribuídas. Já o Cfa apresenta temperaturas superiores aos 22ºC no verão com um bom índice pluviométrico.

Vegetação do Clima Subtropical

Clima subtropical - Vegetação

Foto: depositphotos

Nas áreas de Clima subtropical são comuns as Florestas Subtropicais, as quais ocorrem na região Sul do Brasil, nos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, estendendo-se para os países vizinhos, como Argentina, Paraguai e Uruguai. No entanto, a vegetação de Clima subtropicais é variável em conformidade com a latitude da região, podendo ir de espécies florestais até campos sem grande expressividade de espécies arbóreas. Assim, são encontrados nos Climas Subtropicais tanto florestas com predominância de araucárias até os conhecidos pampas.

Araucárias

Na região de Clima Subtropical há a predominância, no caso brasileiro, do chamado Domínio das Araucárias. Esse tipo de espécie vegetativa está contido na parte mais meridional do Brasil, onde os terrenos são predominantemente sedimentares-basálticos. Há um recobrimento com bosques de Araucárias, já bastante devastados ao longo do tempo. Os solos são diversificados, com uma grande fertilidade natural. Os rios são perenes, especialmente por conta da boa distribuição de chuvas no decorrer do ano. O Domínio das Araucárias está bastante devastado pela ação humana, sendo que restou apenas uma pequena parcela da vegetação original.

Pradarias

Outro tipo de vegetação bastante comum nas regiões de Clima Subtropical é o Domínio das Pradarias, sendo que este está localizado nas porções meridionais do território brasileiro, se estendendo para os países vizinhos. São vegetações predominantemente herbáceas, as quais ocorrem com frequência nos Climas Temperados. São comuns os terrenos ondulados, formando as colinas, chamadas de coxilhas. Há uma menor densidade hidrográfica do que no caso do Domínio das Araucárias. Esse domínio está bastante devastado, por conta da ação humana, especialmente por conta da agricultura.

Florestas Temperadas

As Florestas Temperadas, comuns nas regiões do Hemisfério Norte do globo, compreendidas nas zonas de Clima Subtropical, são matas deciduais, ou seja, são aquelas que perdem suas folhas durante o outono e o inverno. Essas florestas não são muito densas, apresentando árvores esparsas em sua extensão, com uma menor variedade de espécies vegetais. São vegetações contidas nas áreas de médias latitudes, onde as massas de ar polar afetam a questão climática, sofrendo com a ação também das massas de ar tropicais. Há uma variação expressiva dos tipos de vegetação em decorrência da localização geográfica na qual se desenvolvem as vegetações, sendo que as latitudes influenciam fortemente na questão vegetativa.

Referências

» MARTINEZ, Rogério; GARCIA, Wanessa. Novo Olhar: Geografia. São Paulo: FTD, 2013.

» MOREIRA, João Carlos; SENE, Eustáquio de. Geografia. São Paulo: Scipione, 2011.

» VESENTINI, José William. Geografia: o mundo em transição. São Paulo: Ática, 2011.

Sobre o autor

Graduada em Geografia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Especialista em Neuropedagogia pela Faculdade Alfa de Umuarama (FAU) e Mestre em Geografia (Unioeste)