Como escrever a saudação final de um email

Para que a sua comunicação no trabalho e na vida pessoal tenha êxito e aconteça sem ruídos, é preciso que você organize algumas ferramentas que podem lhe auxiliar no dia a dia a esse respeito.

O email, por exemplo, é uma dessas ferramentas que facilitam muito os contatos profissionais e particulares. Por isso, é fundamental estar bem escrito, livre de erros de português e com ideias claras e organizadas.

Algumas normas de etiqueta virtual são bem-vindas quando o assunto é esse. Elas valem para todo mundo e você pode fazer uso delas para obter os resultados que você deseja.

Uma dessas normas implica diretamente em como você finaliza os seus e-mails. Já parou para pensar como você faz isso?

Como escrever a saudação final de um email

Foto: depositphotos

Alguns especialistas na área afirmam categoricamente que enviar um email sem uma despedida adequada pode passar a impressão de falta de educação e despreparo. Portanto, fique atento (a) às dicas abaixo:

Despedida adequada para email

1. Agradeça, sempre

Utilizar ao final da mensagem palavras de agradecimento é sempre de bom tom. Mesmo que você não esteja solicitando nada de específico no email, é interessante agradecer ao final do mesmo por, ao menos, o receptor tê-lo lido. Se você fez algum pedido, nem precisa dizer o quão é fundamental deixar um “grato (a)” ou “obrigado (a)”. Lembrando que os homens falam sempre obrigado e as mulheres, sempre obrigada.

2. Palavras formais

Elas são muito úteis, principalmente no universo profissional quando não temos tanto contato assim com quem está do outro lado ou até mesmo para assuntos mais delicados. Por isso, experimente utilizar as expressões: “atenciosamente”, “cordialmente” ou “saudações”. Sendo essa última, somente utilizada em caso de pouca ou nenhuma intimidade.

3. Palavras informais

Já pensou mandar um abraço para alguém que nunca viu na vida? Isso é mais comum do que parece e, em algumas culturas, é até inaceitável. Diante disso, fique atento ao destinatário do email, pois mesmo que seja hábito seu, mandar um abraço para um cliente europeu pode não cair tão bem. Deixe a expressão somente para as pessoas as quais você já conhece pessoalmente e tem algum tipo de familiaridade.

Se o abraço já deve ser usado com parcimônia, imagina mandar um “beijo” ou “bjo”. Essa expressão não deve ser utilizada em e-mails profissionais, exceto se realmente você é muito próximo (a) da pessoa.

4. Assinaturas eletrônicas

A maior parte dos e-mails disponibiliza a ferramenta de assinatura eletrônica, que fica no final de todos os seus e-mails. É uma boa tática para poupar tempo e padronizar a sua saudação final. Na hora de fazer uma, cuidado com os erros de digitação e aproveite para incluir outros contatos seus.

Cuidado para não exagerar nas informações. Algumas pessoas costumam colocar frases de efeito junto ao nome. Tenha atenção para não ser muito agressivo ou explicitar opiniões muito pessoais, como políticas, religião e outros temas mais polêmicos. Quanto mais enxuto e direto, mas funcional sua saudação final de email vai ficar.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista formada pela Universidade Federal da Paraíba com especialização em Comunicação Empresarial. Passagens pelas redações da BandNews e BandSports, TV Jornal e assessoria de imprensa de órgãos públicos.