Como ler em inglês. Veja algumas dicas simples e super úteis

Mais importante do que conhecer a gramática é entender o contexto das frases. E não existe fórmula melhor para conseguir isso do que lendo bastante

Aprender a ler em inglês é uma das melhores formas de aprimorar o idioma e ter ainda mais acesso a diversas coisas do mundo, como sites, livros, revistas etc. Saber fazer isso é algo mais simples do que escrever ou falar a língua.

Talvez mais importante do que conhecer a gramática é saber entender o contexto das frases e aprimorar o vocabulário. E não existe fórmula melhor para conseguir dominar essa arte do que lendo bastante.

Dicas para ler inglês

Como ler em inglês

Foto: depositphotos

Leia livros

Você não precisa esperar ser fluente no idioma para começar a ler um livro. Muito pelo contrário; essa é uma das formas que irão lhe ajudar a dominar o inglês. Existem centenas de livros de diversos níveis diferentes. Se você ainda não se sente apto o suficiente, pode começar por obras voltadas para o público infantil e depois ir avançando. Não precisa ter pressa; pouco a pouco seu inglês vai se aprimorando cada vez mais.

Leia todos os dias

Não é necessário ler um livro diferente todo dia, mas é importante que esse hábito seja diário, nem que seja uma folha por dia. Quanto mais contato você tiver com a língua no dia-a-dia, menor será o seu nível de dificuldade nas leituras e até mesmo no diálogo.

Procure entender o contexto

Quando você estiver lendo não se prenda ao significado de cada palavra. Se cada vez que você encontrar um termo que tem dúvida você for pesquisar o sentido dela, isso fará sua leitura ser chata e cansativa. No lugar disso busque entender a frase como um todo. Fazendo isso cada vez mais você vai se familiarizar com a língua e entender as situações onde pode contextualizar cada palavra. Isso funciona muito mais do que simplesmente decorar a tradução, que rapidamente você esquecerá.

Enriqueça seu vocabulário

Leia sempre coisas diversas sobre assuntos variados. Os alunos que mais dominam os vocabulários conseguem se sair muito melhor nas conversas do que aqueles que se aperfeiçoam somente nos conhecimentos gramaticais. Isso acontece porque o que permite que nos comuniquemos são as palavras e o vasto vocabulário e não as regras da língua.

Sobre o autor

Avatar
Formada em Jornalismo pela Unicap, pós-graduada em Comunicação Empresarial e Mídias Digitais pela Devry, fez intercâmbio na ETC School (em Bournemouth (UK)), professora de inglês e tem experiência nas áreas de assessoria de comunicação, produção de vídeo e foto e redação.