Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. Conheça os integrantes

O português é um idioma construído historicamente a partir do contato entre os povos que viviam na Península Ibérica e os Romanos, quando no século III a.C. estes últimos ocuparam a Península.

O Latim era a língua dos Romanos, a qual foi aos poucos suplantando a linguagem dos povos ibéricos naquele contexto. Portanto, é possível afirmar que a língua portuguesa advém de um Latim Vulgar, mais prático, diferentemente do Latim Clássico. 

Países que adotam o português como idioma oficial

A colonização portuguesa levou aos territórios dominados os aspectos culturais dos portugueses, e um deste é a linguagem. Portanto, os países que atualmente adotam o português como seu idioma oficial possuem uma herança histórica comum, a qual se encontra materializada na linguagem que compartilham. 

Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. Conheça os integrantes

Foto: depositphotos

Brasil

A República Federativa do Brasil foi colonizada por Portugal a partir dos anos de 1500, com a chegada das primeiras embarcações trazendo portugueses ao território que atualmente é conhecido como Brasil. O país tem como capital Brasília, e o idioma adotado oficialmente é o português. Houve no país diversos processos de chegada de imigrantes, os quais trouxeram consigo também elementos de sua cultura. A matriz étnica brasileira é formada por indígenas, africanos e europeus, somando-se posteriormente outros povos. 

Moçambique

A República de Moçambique tem como capital Maputo, e está localizada no Sudeste do continente africano. Moçambique foi colônia de Portugal, tornando-se independente apenas no ano de 1975. Atualmente o país conta com uma população de mais de 20 milhões de habitantes, e adota como idioma oficial o português. Como a independência do país é bastante recente, a ampla maioria da população ainda adota outros idiomas para comunicação, sendo conhecido como um espaço de grande diversidade linguística. A implantação do português como língua oficial visava uma unificação nacional, no entanto, ainda não se conseguiu que as famílias ou grupos dessem preferência para esta em detrimento de suas línguas maternas.

Angola

A República de Angola é um país localizado na costa ocidental da África, cuja capital é Luanda. A história da dominação angolana pelos portugueses se inter-relaciona com a história da própria dominação africana. No ano de 1484 os portugueses chegam ao território conhecido atualmente como Angola, liderados por Diogo Cão, e instalam a primeira unidade política do território. Como herança deste passado, Angola adota como língua oficial o português, no entanto, existem vários dialéticos comumente falados entre a população, como é o caso do umbundo, segunda língua mais falada no país.

Portugal

A República Portuguesa tem como capital Lisboa, e é um país localizado no Sudoeste da Europa. O país tem 92.212 km² de extensão territorial, e conta com uma população de mais de 10 milhões de habitantes. Portugal foi um dos países envolvidos no colonialismo europeu, sendo que as premissas do envolvimento deste país pautavam-se na expansão militar e religiosa. Portugal é, atualmente, um país ligado à União Europeia, e apresenta um elevado Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), possuindo uma economia bastante diversificada. 

Guiné-Bissau

A República da Guiné-Bissau é um país localizado na África ocidental, o qual faz fronteira com o Senegal, Guiné e com o Oceano Atlântico. Guiné-Bissau possui uma extensão de 36.125 km² em seu território, comportando mais de 1,8 milhão de pessoas. Os idiomas falados no país o são português (idioma oficial) língua crioula e dialetos regionais. Apesar de oficial, o português é falado minoritariamente no país. E as atividades econômicas de maior relevância são a agricultura, pesca e a mineração.

Timor-Leste

Timor-Leste é um país bastante jovem localizado no Sudeste asiático, cuja capital é Díli. No país são línguas oficiais o português e Tétum, além de cerca de quinze línguas nativas. Neste país há uma predominância da religião católica, com cerca de 90% da população seguindo esta religião. A proclamação unilateral da Independência de Timor-Leste ocorreu no ano de 1975, sendo um processo bastante recente sua saída dos domínios portugueses.

Guiné-Equatorial

A Guiné-Equatorial é um país que se localiza na África ocidental, cuja cidade mais populosa é sua capital Malabo (uma ilha no Oceano Atlântico). No país existem três línguas consideradas oficiais, sendo elas a portuguesa, a castelhana e a francesa. As principais atividades econômicas do país são a pesca e as atividades agrícolas. Sua extensão territorial é de 28.050 km², abrigando mais de 845 mil pessoas. O país faz fronteira com Gabão e Camarões, além do Oceano Atlântico.

Cabo Verde

A República de Cabo Verde é um país insular localizado em um arquipélago presente no Oceano Atlântico. O território de Cabo-Verde é formado pelas ilhas de Santo Antão, São Vicente, Santa Luzia, São Nicolau, Sal, Boa Vista, Maio, Santiago, Fogo e Brava, e pelos ilhéus e ilhotas presentes em seus domínios. Da mesma forma do que na ampla maioria das ex-colônias portuguesas, em Cabo Verde o idioma oficial é o português, porém a comunicação predominante entre os habitantes do país é o cabo-verdiano, que é um idioma crioulo do local. 

São Tomé e Príncipe

A República Democrática de São Tomé e Príncipe tem como capital São Tomé, e é um estado insular localizado no Golfo da Guiné, na África equatorial. São Tomé e Príncipe possui apenas 964 km² de extensão territorial, e conta com uma população de 190 mil habitantes. Destaca-se a existência de idiomas tradicionais, como forro, do angolar e do lunguié, os quais estão em um processo de desuso, especialmente pelas camadas mais jovens da população. O único idioma oficial é o português.

 Macau

Macau não consta na lista dos países pertencentes à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), por estar aos poucos sumindo do cotidiano naquele território. Deste 1999, Macau é uma das regiões administrativas especiais da República Popular da China, sendo o idioma oficial, além do português, também a língua chinesa. Em Macau, apesar da histórica colonização portuguesa, pouco se percebe daquela cultura nos artefatos materiais no espaço urbano, sendo predominantes os letreiros e informações em idioma chinês.

 

Referências

» ANGOLA. Portal Oficial do Governo da República de Angola. A história. Disponível em: <http://www.governo.gov.ao/historia.aspx>. Acesso em: 06 de junho de 2017.

» CABO VERDE. Governo de Cabo Verde. Disponível em: < http://www.governo.cv/>. Acesso em: 06 de junho de 2017.

» COMUNIDADE dos Países de Língua Portuguesa – CPLP. Disponível em: <https://www.cplp.org/id-2595.aspx>. Acesso em: 06 de junho de 2017.

» MOÇAMBIQUE. Portal do Governo de Moçambique. Disponível em: <http://www.portaldogoverno.gov.mz/>. Acesso em: 06 de junho de 2017.

» TIMOR-LESTE. Governo de Timor-Leste. Disponível em: <http://timor-leste.gov.tl/#>. Acesso em: 06 de junho de 2017.

Sobre o autor

Avatar
Mestre em Geografia e Graduada em Geografia pela Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste), Especialista em Neuropedagogia pela Faculdade Alfa de Umuarama (FAU) e em Educação Profissional e Tecnológica (São Braz).