Confira quais são e como são usados os pronomes átonos em espanhol

Os pronomes átonos em espanhol são os pronomes pessoais que têm a função de complemento direto e complemento indireto. Neste artigo, veremos quais são eles e como eles são usados na língua espanhola.

Tipos de pronomes pessoais átonos

Os pronomes átonos em espanhol são os seguintes:

De complemento direto

SingularPlural
1ª pessoaMeNos
2ª pessoaTeOs
3ª pessoaLo, laLos, las

De complemento indireto

SingularPlural
1ª pessoaMeNos
2ª pessoaTeOs
3ª pessoaLe, seLes, se
Confira quais são e como são usados os pronomes átonos em espanhol

Foto: depositphotos

Vejamos alguns exemplos a seguir:

-No lo puedo comprar.
-Siempre le vi llorando.
-Ya la instalé.

Observação: o uso de “le” como objeto direto no lugar de “lo” é conhecido como “leísmo” e somente é correto quando se refere à terceira pessoa do masculino singular.

Posição dos pronomes átonos

Proclíticos (Proclisis) – Os pronomes átonos aparecem antepostos ao verbo principal quando conjugados no modo indicativo ou subjuntivo.

Exemplos:

-Ayer te envié una carta.
-No la recibiste.
-No te llamo desde que se rompió el móvil.
-Su padre le compro un nuevo coche.
-Te lo dije.

Enclíticos (Enclisis) – Os pronomes átonos aparecem pospostos ao verbo principal quando conjugados no modo imperativo afirmativo, infinitivo ou gerúndio. Nesse caso, os pronomes átonos devem ser escritos juntos ao verbo, formando uma só palavra.

Exemplos:

-Pásame la leche. Pásamela.
-No quiero hacerla.
-Estoy llamándole a un amigo.
Dímelo.

Com relação ao emprego dos enclíticos, o “Diccionario panhispánico de dudas”, da Real Academia Española, faz as seguintes observações:

  • Diante do enclítico “nos” se perde obrigatoriamente o –s da primeira pessoa do plural do subjuntivo usado com valor de imperativo.

Exemplo: Dejemos + nos = Dejémonos

  • Se acrescentamos o pronome “se” a uma forma verbal terminada em –s, os dois “s” se reduzem a apenas um.

Exemplo: Pongamos + se + lo = Pongámoselo

Atenção! Se acrescentamos “nos” a uma forma verbal terminada em –n, não há redução.
Exemplo: Digan + nos = Dígannos

Nos tempos compostos

O pronome oblíquo deve aparecer antes do verbo auxiliar e separado deste.

Exemplo: Te he comprado tu dulce favorito.

Sobre o autor

Avatar
Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.