Entenda a diferença entre castelhano e o espanhol

Uma dúvida bastante comum nas aulas de espanhol é a seguinte: “Estamos aprendendo a falar espanhol ou castelhano?”. A polêmica sobre os termos causa verdadeira confusão não apenas nos estrangeiros, mas também nas pessoas que moram nos países cuja língua oficial é o espanhol. Ou seria castelhano?

Ao contrário do que muitas pessoas ainda pensam, espanhol e castelhano são termos sinônimos, surgidos em épocas diferentes, e tratam do mesmo idioma.

Histórico da língua castelhana

O termo castelhano (castellano) remonta ao reino de Castela, na Idade Média, quando a Espanha ainda não existia como conhecemos hoje.

Quando a Princesa Isabel de Castela casou-se com Fernando de Aragão, o reino começou a se consolidar e a se impor sobre os outros territórios da região, convertendo o castelhano na língua oficial do Império, em 1492. O castelhano é um dialeto do latim levado até a Península pelos conquistadores romanos.

Castelhano e espanhol são termos sinônimos que se referem à mesma língua

A língua espanhola foi se modificando de acordo com as influências recebidas (Foto: depositphotos)

De Castelhano para Espanhol

Com a unificação dessa parte da Península Ibérica, a língua adotada recebe o nome derivado do país: Espanha, portanto, espanhol. O termo espanhol é originário do latim medieval Hispaniolus. Com o decorrer do tempo, o termo foi sendo expandido, até aparece na literatura, que tinha uma influência muito forte.

Veja tambémAprenda algumas perguntas e respostas básicas do dia a dia em espanhol

Em 1942, o castelhano se expandiu pela América Latina com a colonização dos espanhóis, o que fortaleceu o idioma. Pouco a pouco, passou a ser comum ouvir falar os dois termos, portanto, os dois são corretos e podem ser usados da mesma maneira.

A Espanha ainda convive com outras línguas co-oficiais, como o galego, catalão e basco. Nos países colonizados pelo país, a língua espanhola foi se modificando de acordo com as influências recebidas.

A polêmica

Embora os termos castelhano e espanhol sejam corretos, existe, sim, uma polêmica ao redor do tema. Alguns países optam por chamar o idioma de castelhano por uma razão política: os países que foram colonizados pela Espanha geralmente preferem o termo castelhano, pois espanhol faz referência ao período colonial.

Veja tambémConfira como fazer saudações em espanhol

Por isso, o termo castelhano é mais usado na América do Sul; já a forma espanhol é comumente empregada no Caribe, México e nas regiões de fronteira com países cuja língua oficial é o inglês. Na Espanha também há diferenças, sendo comum o uso do termo castelhano para fazer referência à língua que é comum a todo o território espanhol, tendo em vista as outras línguas que coexistem na região.

Na época da redação da Constituição de 1978, a discussão centrou-se em três posturas diferentes, baseadas em um acordo geral: que haja uma língua oficial e que esta seja a língua comum de espanhóis e hispano-americanos.

De acordo com a Real Academia Española (ERA), as palavras espanhol e castelhano, quando empregadas para designar o idioma, têm o mesmo significado.

Sobre o autor

Avatar
Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.