Google Drive: Tutorial mostra como funciona e como usar

O Google Drive se popularizou em 2012. Ele substituiu o Google Docs que era uma plataforma de armazenamento físico, enquanto esse é online. O site oficial do Google Drive mostra como a ferramenta por ser utilizada. Ele funciona como uma opção de armazenamento em nuvem.

Inicialmente, qualquer usuário tem disponível 15 gigas grátis. “Desta forma, pode guardar fotos, histórias, designs, desenhos, gravações, vídeos e muito mais”, explica a página do desenvolvedor.

Isso garante que os arquivos armazenados possam ser acessados a partir de qualquer lugar. “Os seus ficheiros no Drive podem ser consultados a partir de um smartphone, tablet ou computador. Deste forma, para onde quer que vá, os seus ficheiros estarão sempre à mão”.

Como usar o Google Drive

O site do Google Drive ensina como utilizar a sua ferramenta oficial de armazenamento em nuvem. Aprenda agora.

O Google Drive é uma ferramenta oficial de armazenamento em nuvem muito fácil de usar

Essa ferramenta já faz parte do pacote para quem tem contas do Google (Foto: depositphotos)

O primeiro passo é acessar o drive.google.com. É hora de criar seu acesso, caso você não tenha um. Vale lembrar que se você já tem contas do Google, o drive já faz parte do pacote. Experimente utilizar o seu login e senha habituais.

Depois é só clicar em ‘Meu Drive’ e você verá os arquivos e pastas que passaram pelo upload ou que foram sincronizados. Nessa área também ficam os documentos criados pelo usuário e salvos na nuvem.

Para fazer o upload de arquivos ou criar novos, é só clicar no arquivo que deseja e trabalhar no momento. A edição e formatação são suportados no Google Drive.

Já para compartilhar os arquivos, o caminho é bem simples. É só clicar no ícone disponível de compartilhamento, representado por uma setinha, e escolher para quem enviar os ficheiros e transferir a propriedade. Eles ficam em uma seção especial do ‘Meu Drive’.

Já para salvar os anexos do Gmail, coloque o cursor sobre um anexo no Gmail e procure o logótipo do Drive. A partir disso, você pode guardar anexos no Drive para os organizar e partilhar num único local seguro.

Veja também: Ferramenta do Google auxilia professores e alunos

A digitalização também é facilitada. É só tirar uma foto dos documentos, como recibos, cartas e extratos, e o Drive irá armazená-los instantaneamente em formato PDF. No Google Drive também dá para criar formulários online e fazer diagramas e fluxogramas.

Mesmo sem estar conectado, você pode editar seus materiais off-line. Para isso, você tem que se conectar à internet por meio do Google Chrome. Depois, instalar e ativar uma extensão do Documentos Google off-line para o Chrome. Por último, acessar o  drive.google.com/drive/settings e sincronizar os documentos.

Google Drive no celular

Nos smartphones, o Google Drive roda nos sistemas Android e também nos aparelhos da Apple

Como o armazenamento é na nuvem, os arquivos não ocupam espaço no HD do computador (Foto: depositphotos)

Nos smartphones, o Google Drive roda nos sistemas Android e também nos aparelhos da Apple. O seu funcionamento é semelhante aos dos computadores de mesa e notebooks e é preciso fazer o download do aplicativo para utilizá-lo.

Depois disso, é só começar o upload de arquivos existentes, criar novos, compartilhar e organizar os ficheiros da forma como você achar melhor. O uso do Google Drive no celular facilita ainda mais o acesso remoto aos arquivos em nuvem, uma vez que ele potencializa a acessibilidade em qualquer lugar, a qualquer hora.

Veja também: Como ver o meu histórico de localização do Google Maps?

Vantagens do Google Drive

O Google Drive oferece outras vantagens para os usuários. Mesmo a versão gratuita possui benefícios interessantes. Veja três deles:

Não ocupa espaço físico

O usuário comum e gratuito tem disponível 15 gigas de espaço para armazenamento em nuvem. Logo ao utilizar o Google Drive, os arquivos não ocupam espaço no HD do computador e isso garante mais agilidade para a sua máquina.

Pode ser compartilhado

Uma vez no Google Drive, o usuário pode convidar outras pessoas para ter acesso aos arquivos. É uma forma de compartilhar conteúdo. É possível “ver, transferir e colaborar em ficheiros à sua escolha, sem recorrer a anexos de email”.

Veja também: Descubra como configurar o Google Duo

É expansível

Se você quiser aumentar a capacidade do Google Drive, poderá expandir o seu armazenamento gratuito de 15 gigas para 100 gigas por R$ 6,99 por mês. Há ainda os pacotes de 1 tera por R$ 34,99 ou 10 teras por 349,99 mensais.

Sobre o autor

Avatar
Jornalista formada pela Universidade Federal da Paraíba com especialização em Comunicação Empresarial. Passagens pelas redações da BandNews e BandSports, TV Jornal e assessoria de imprensa de órgãos públicos.