O português e suas influências linguísticas

O português que conhecemos hoje teve diversas influências não apenas linguísticas, mas também culturais, políticas e econômicas

A língua portuguesa é a língua oficial de oito países, sendo falada em todos os continentes por cerca de duzentos milhões de pessoas. Em sua fonética, morfologia, sintaxe e em seu léxico, o português é o resultado de uma evolução orgânica do latim vulgar trazido por colonos romanos no século III a.C.

Assim como ocorre em todo idioma, o português também sofreu uma evolução linguística histórica e, ao entrar em contato com outras culturas, sofreu inevitáveis alterações. O idioma que conhecemos hoje teve diversas influências não apenas linguísticas, mas também culturais, políticas e econômicas.

Histórico

A língua portuguesa sofreu diversas influências vindas de outros países até chegar ao idioma que conhecemos hoje. Por ser um sistema funcional e vivo, toda língua acompanha as transformações ocorridas no contexto social no qual está inserida. Ao pensarmos nas influências linguísticas da língua portuguesa, devemos analisar a origem do idioma, as suas fases e as palavras estrangeiras utilizadas pelos falantes da língua.

O português e suas influências linguísticas. Entenda sua evolução

Foto: depositphotos

Sabe-se que o português tem um substrato céltico/lusitano, originado nas línguas faladas pelos povos pré-romanos da parte ocidental da península. A influência celta no português pode ser observada em uma série de palavras, como barra, bico, bilha, borba, brio, camisa, curro, légua, lousa, menino, peça etc.

Após a queda do Império Romano e as invasões bárbaras, desenvolveu-se o português arcaico, como um dialeto românico denominado galego português, diferenciando-se de outras línguas românicas ibéricas. Em 711, as tropas muçulmanas provenientes do Norte da África ocuparam a península Ibérica. Assim, a língua árabe exerceu influência na língua portuguesa, sobretudo no léxico.

Influências no português falado no Brasil

A língua portuguesa falada no Brasil é originária do português de Portugal e, até chegar ao idioma que conhecemos hoje, passou por várias influências. O idioma vindo de Portugal já começou a perder as suas características peculiares com os primeiros contatos linguísticos no continente americano. Além do latim, as línguas indígenas também deixaram a sua grande contribuição em nosso vocabulário, principalmente nas palavras ligadas à flora, fauna, alimentos e lugares.

As línguas africanas também foram uma importante influência no português falado no Brasil, tendo vocábulos incorporados ao idioma principalmente durante o período da exploração da cana e do café. Alguns exemplos de palavras originárias de línguas africanas são caçula, moleque, samba, dentre outros.

Ao chegar o continente americano no século XVI, a língua entrou em contato não apenas com as línguas indígenas encontradas no território, mas também com as inúmeras emigrações. Desta maneira, o português brasileiro também recebeu influências do italiano, do francês e de várias outras línguas europeias.

Sobre o autor

Avatar
Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.