, ,

A vida de Luis Fernando Veríssimo

Luis Fernando Veríssimo é um renomado escritor, humorista e cartunista brasileiro, nascido no dia 26 de setembro de 1936, em Porto Alegre, no estado do Rio Grande do Sul.

Filho do célebre escritor Érico Lopes Veríssimo e de Mafalda Veríssimo, Luis Fernando é um dos mais populares autores brasileiros contemporâneos, tendo mais de 60 títulos publicados, dentre os quais destacam-se suas crônicas e contos.

Estudos e início da carreira de Luis Fernando Veríssimo

Devido aos compromissos profissionais do pai, Luis Fernando passou parte de sua juventude nos Estados Unidos. Quando regressou a Porto Alegre, sua cidade natal, em 1956, o escritor começou a trabalhar no departamento de arte da Editora Globo.

Luís Fernando Veríssimo sentado

As obras do autor são marcadas por pitadas de humor e ironia (Foto: Reprodução | EBC)

Enquanto viveu nos Estados Unidos, descobriu a sua paixão pelo jazz, aprendeu a tocar saxofone e, em 1960, fez parte de um grupo musical denominado “Renato e seu Sexteto”, que tocava em bailes na capital gaúcha.

Alguns anos depois, mudou-se para o Rio de Janeiro, onde trabalhou como redator e tradutor de publicações, além de ter conhecido Lúcia Helena Massa, sua cônjuge até os dias atuais.

Em 1967, Luis Fernando retorna a Porto Alegre e começa a trabalhar como copy desk no jornal Zero Hora. No mesmo ano, começa a redigir para a agência de publicidade MPM Propaganda. Três anos depois transferiu-se para o jornal Folha da Manhã, mantendo uma coluna diária com textos sobre diversos temas, sempre com uma pitada de ironia e humor.

A consagração do estilo humorístico

No ano de 1971, Luis Fernando fundou, juntamente a amigos do meio publicitário porto-alegrense, o semanário intitulado “O Pato Macho”, que contava com textos de humor, cartuns e crônicas. Após algum tempo, consagrou o seu estilo humorístico, tornando-se nacionalmente conhecido.

Seu primeiro livro, intitulado “O popular: crônicas ou coisa parecida”, foi lançado em 1973, pela Editora José Olympio, sendo composto por uma coletânea de textos já veiculados na imprensa. Seu segundo livro de crônicas, “A Grande Mulher Nua”, foi publicado em 1976.

A obra “Ed Mort e Outras Histórias”, publicado em 1979 pela Editora L&PM, levou a fama de Luis Fernando a um novo patamar. Já em 1981, o livro “O Analista de Bagé” esgotou sua primeira edição em dois dias, tornando-se um fenômeno de vendas em todo o território nacional.

As personagens mais conhecidas do autor gaúcho incluem Ed Mort, Analista de Bagé, As Cobras, Velhinha de Taubaté e Família Brasil.

Principais obras do autor

Luis Fernando Veríssimo recebeu vários prêmios por suas obras, incluindo a Medalha de Resistência Chico Mendes. Confira a seguir algumas das principais obras do aclamado escritor brasileiro:

  • O Popular, crônicas, 1973
  • A Grande Mulher Nua, crônicas, 1975
  • Amor Brasileiro, crônicas, 1977
  • O Rei do Rock, crônicas, 1978
  • Ed Mort e Outras Histórias, crônicas, 1979
  • Sexo na Cabeça, crônicas, 1980
  • O Analista do Bagé, crônicas, 1981
  • A Mesa Voadora, crônicas, 1982
  • Outras do Analista de Bagé, crônicas, 1982
  • O Gigolô da Palavras, crônicas, 1982
  • A Velhinha de Taubaté, crônicas, 1983
  • A Mulher do Silva, crônicas, 1984
  • A Mãe de Freud, crônicas, 1985
  • O Marido do Doutor Pompeu, crônicas, 1987
  • Zoeira, crônicas, 1987
  • O Jardim do Diabo, romance, 1987
  • Noites do Bogart, crônicas, 1988
  • Orgias, crônicas, 1989
  • Pai Não Entende Nada, crônicas, 1990
  • Peças Íntimas, crônicas, 1990
  • O Santinho, crônicas, 1991
  • Humor Nos Tempos de Collor, crônicas, 1992
  • O Suicida e o Computador, crônicas, 1992
  • Comédias da Vida Privada, crônicas, 1994
  • Comédias da Vida Pública, crônicas, 1995
  • Novas Comédias da Vida Privada, crônicas, 1997
  • A Versão dos Afogados, crônicas, 1997
  • Gula – O Clube dos Anjos, romance, 1998
  • Aquele Estranho Dia Que Nunca Chega, crônicas, 1999
  • Histórias Brasileiras de Verão, crônicas, 1999
  • As Noivas do Grajaú, crônicas, 1999
  • Todas as Comédias, crônicas, 1999
  • Festa de Criança, infanto-juvenil, 2000
  • Comédias Para Se Ler Na Escola, crônicas, 2000
  • As Mentiras que os Homens Contam, crônicas, 2000
  • Todas as Histórias do Analista de Bagé, contos, 2002
  • Banquete Com os Deuses, crônicas, 2002
  • O Opositor, romance, 2004
  • A marcha, crônicas, 2004
  • A Décima Segunda Noite, romance, 2006
  • Mais Comédias Para Se Ler Na Escola, contos, 2008
  • Os Espiões, romance, 2009.

Sobre o autor

Avatar
Formada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas) pela Universidade Federal de São João del-Rei (UFSJ), com certificado DELE (Diploma de Español como Lengua Extranjera), outorgado pelo Instituto Cervantes. Produz conteúdo web, abrangendo diversos temas, e realiza trabalhos de tradução e versão em Português-Espanhol.