,

Videoaula do Enem: Problemas socioambientais urbanos

O professor de geografia, do Sistema Poliedro de ensino, explana sobre o conceito e as causas dos problemas socioambientais urbanos

O Brasil é um país que enfrenta grandes problemas socioambientais. Questões relacionadas a isso são comuns nas provas do Enem. Para ajudar você, selecionamos as dicas do professor de geografia, Fábio Monstro, do sistema Poliedro de Educação. O vídeo está disponível no canal da instituição.

Quais são os maiores problemas socioambientais?

– Contrastes sociais urbanos: esse é um dos problemas mais graves. A diferença entre ricos e pobres existe no mundo inteiro, entretanto, no Brasil isso é muito mais perceptível. A segregação sócio-espacial é muito nítida, com a formação de favelas bem ao lado de prédios de luxo. Esse problema tende a se aprofundar cada dia mais, pois é muita gente para pouco espaço. Por isso, alguns territórios têm o metro quadrado muito caro, enquanto a outra parte da população ocupa espaços indevidos.

– Uso inadequado do solo e falta de planejamento: o lixo e as enchentes são grandes problemas das metrópoles brasileiras, pois a maioria delas não respeita o plano diretor de crescimento e desenvolvimento. O acúmulo de lixo gera doenças, contamina a paisagem urbana e provoca o entupimento das galerias fluviais.

– Ocupação de áreas de risco: o desmatamento associado às chuvas e ocupação de áreas de risco causam problemas socioambientais de ordem diversas. Os constantes desmoronamentos que acontecem não são culpa das chuvas, mas sim de falta de planejamento.

– Congestionamentos: é o melhor exemplo do excesso de bens de consumo na sociedade atual. “Se faz necessário políticas voltadas para uma melhor mobilidade urbana que possibilite a criação de ciclovias, metrôs e ônibus. Esses são meios interessantes e importantes, que precisam receber investimentos no Brasil”, resume o professor Fábio Monstro.

Videoaula: Problemas socioambientais urbanos na prova do Enem. Confira

Foto: depositphotos

Quais são as principais causas dos problemas socioambientais do nosso país?

O educador cita três motivos que impulsionam os problemas socioambientais:

Recente urbanização

“O Brasil é um país de recente industrialização e, consequentemente, de recente urbanização. Enquanto a Europa iniciou o seu processo no século XVIII, o Brasil começou a dar os primeiros passos para o desenvolvimento industrial e urbano somente no século XX”. Por isso, não podemos comparar o desenvolvimento em nações mais antigas com o nosso país, pois ele passou por um processo tardio de desenvolvimento.

Urbanização rápida

Enquanto nações como Estados Unidos e Europa tiveram vários séculos para crescer e se desenvolver, o Brasil sediou uma explosão muito rápida de urbanização. A partir do século XX, o país começou a crescer sem planejamento e surgiram graves problemas de ordem social e ambiental.

Concentração nas metrópoles

Além disso, o Brasil passou por um processo de inchamento das grandes cidades. Cidades como São Paulo, Salvador, Recife, Rio de Janeiro possuem uma população muito alta.

Até os anos 50, a população rural era superior a população urbana. Porém, a partir dos anos 70, esse cenário se inverteu. Em consequência disso, temos a diminuição drástica das pessoas que residem no campo e uma sobrecarga de pessoas que buscam a cidade para viver. “Por exemplo, a população urbana da região Sudeste é quase a soma de toda a população urbana da Norte, Nordeste, Sul e Centro-Oeste. Quando essa concentração ocorre dessa maneira, muito concentrado, surgem graves problemas”, afirma o docente.

Quer assistir ao vídeo na íntegra. Acesse aqui: