Bacteriologia

Bacteriologia é o nome que recebe a parte da biologia e da ciência responsável por estudar, elucidar e documentar todas as informações em torno…


Bacteriologia é o nome que recebe a parte da biologia e da ciência responsável por estudar, elucidar e documentar todas as informações em torno da morfologia, bioquímica, genética, comportamento, fisiologia, ecologia e muito mais sobre as bactérias. Esse segmento científico tem importância única para o homem em seus envolvimentos médicos. O nome possui origem na língua grega, “bakteria” que significa “pequeno bastão” e “logos”, que significa estudo.

Os cientistas profissionais dessa área são chamados de bacteriologistas, e são formados na área de Biologia com especialização, por meio de cursos de pós graduação, em bactérias.

História

Somente no século XIX, após muitas doenças disseminadas sem conhecimento, as bactérias começaram a ser profundamente estudadas. Entre os mais importantes bacteriologistas, podemos citar os dessa época, Robert Koch e Louis Pasteur, pois fizeram muitos estudos importantes para a medicina atual em torno da ação nociva das bactérias e das formas de combate à elas.

Bacteriologia

Foto: Reprodução

O que estuda?

As principais áreas e temas estudados por essa área quanto às bactérias são a taxonomia, ou seja, a classificação destes seres; a sistemática, que descreve as relações entre os organismos e a biodiversidade; morfologia, que estuda as formas ou partes das bactérias; bioquímica, que envolve estudos relacionados aos processos químicos das bactérias; o estudo destes seres para a produção de medicamentos, as propriedades nocivas das bactérias, além de sua genética de suas diversas espécies.

Tipos de bactérias

Pertencentes ao Reino Monera, as bactérias podem ser divididas em três tipos principais:

  • Tiobactérias ou sulfobactérias, que utilizam compostos à base de enxofre para que sua síntese de compostos orgânicos seja possível;
  • Vibrião: o organismo bacteriano conhecido como vibrião apresenta coloração Gram-negativa e o formado aproximado de uma vírgula. É móvel e possui apenas um flagelo, podendo ser aeróbias ou anaeróbias. Destes, o mais conhecido é o Vibrio cholerae, causador da cólera;
  • Espiroquetas: as espiroquetas, por fim, constituem um filo chamado Spirochaetes, nome que, provavelmente, deriva de sua estrutura corporal com formado espiralado. Seus movimentos são ondulatórios circulatórios – normalmente isso ocorre em torno de seu próprio corpo -, e existem alguns gêneros importantes neste grupo. A Borrelia burgdorferi, que é causadora da Doença de Lime; a Leptspira interrogans que causa a leptospirose, a Troponema pallidum, causadora da sífilis e Spirillum minus, causadora da Febre da Mordida do Rato.

Doenças comuns

As doenças mais conhecidas que são causadas por bactérias são o botulismo, causado pela Clostridium botulinum, a bronquite, causada pelos pneumococos, e o Cancro mole, DST causada pela Haemophilus ducreyi.


Reportar erro