Romance

O romance é um gênero textual que apresenta uma narrativa complexa, pois não dispõe apenas um núcleo. Saiba mais sobre o romance na Literatura Brasileira


O romance é um importante gênero textual que apresenta uma narrativa complexa, pois não dispõe apenas um núcleo, mas várias tramas que se desencadeiam no decorrer da narração da história principal. O termo “romance” evoluiu da história romanesca, mas foi utilizado com diferentes significados ao longo dos tempos.

A definição

Durante a Idade Média, países como a França, Espanha e Portugal utilizavam o termo latino “romanice” para indicar a poesia época ou qualquer tipo de narrativa.

Somente a partir do século XVIII é que a palavra “romance” foi introduzida no mundo literário no sentido que lhe é atribuído até os dias atuais. Existem aspectos controversos entre as diversas tendências críticas e historiográficas sobre o assunto, mas podemos apresentar uma definição que se entende por romance nos estudos literários.

O “Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa” apresenta a seguinte definição de do termo romance: “Descrição longa das ações e sentimentos de personagens fictícios, numa transposição da vida para um plano artístico”. Pode-se considerar que o romance mais próximo do que conhecemos surgiu no início do século XVII, tendo como precursor o “Dom Quixote de La Mancha”, de Miguel de Cervantes, escrito em 1600.

O romance atingiu a sua afirmação como espécie literária com o Romantismo. Muitos especialistas consideram que a prosa brasileira começou de fato a partir dessa escola literária, com os denominados folhetins.

Romance

Foto: Reprodução/ internet

No decorrer da história literária brasileira, o romance ganhou status e foi se transformado na mais importante modalidade narrativa. Hegel afirma que o romance seria a epopéia burguesa moderna, pois firmou-se logo após o crescimento da industrialização no século XVIII.

O romance se estrutura ao redor dos acontecimentos que são organizados em uma sequência temporal, apresentando uma linguagem bastante variável que depende de quem escreve.

Tipos de romances mais conhecidos na Literatura Brasileira

Confira a seguir os principais tipos de romances conhecidos na Literatura Brasileira:

Por tipo de abordagem:

  • Romance Urbano – A vida social das grandes cidade é retratada e as tramas incluem intrigas amorosas, traições, ambientes urbanos e situações cotidianas das pessoas que vivem nas cidades.
  • Romance Regionalista – Apresenta questões sociais de determinadas regiões do Brasil, com o destaque de suas características e linguajar típico.
  • Romance Indianista – Apresenta a vida e os costumes indígenas, sendo encontrado principalmente durante o Romantismo.
  • Romance Histórico – Este tipo de romance destaca a vida e os costumes de certa época e região da história, misturando fatos reais e fictícios.

Quanto à escola literária ou época:

  • Romance Romântico – Destacam-se os ideais cavalheirescos, a idealização da mulher e o heroísmo.
  • Romance Realista – Os temas são influenciados pelo cientificismo da época, sendo carregado de críticas sociais.
  • Romance Naturalista – Possui basicamente as mesmas características das narrativas realistas e foram produzidos no mesmo período.
  • Romance Modernista – É caracterizado pelo caráter revolucionário, trazendo consigo fortes críticas sociais e novas visões do mundo.

*Débora Silva é graduada em Letras (Licenciatura em Língua Portuguesa e suas Literaturas)


Reportar erro