Colômbia – Economia, turismo e imagem de sua bandeira

A Colômbia é um país de economia estável, rico em história e cultura. Conheça sua moeda, bandeira, capital e muito mais acerca de sua geografia


A Colômbia é um país situado na região noroeste da América do Sul, cuja capital é a cidade de Bogotá. O país faz fronteira com Brasil e Venezuela a leste, Oceano Pacífico a oeste, Panamá a noroeste e com o Equador e Peru ao Sul. Com um território de aproximadamente 1.138.914 quilômetros quadrados e população de cerca de 46 milhões de habitantes (a terceira maior da América Latina), o país é a terceira maior economia do continente sul-americano, tendo a seguinte divisão: 55,8 % de sua economia para o setor de serviços, 30,3 % para a indústria e 13,9 % para a agricultura. Sua moeda de circulação é o peso colombiano.

Bandeira da Colômbia

Imagem: Reprodução

A bandeira colombiana, que foi adotada no ano de 1861, é semelhante à de países como Venezuela e Equador e suas cores foram escolhidas pelos libertadores que lutavam contra o domínio dos espanhóis sobre a região.

A expectativa de vida dos colombianos é de 72,9 anos e, segundo o relatório da ONU (Organização das Nações Unidas), o país ocupa o 87º lugar na lista do IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) de 2011, com 0,710. Seu idioma oficial é o castelhano, contudo outros idiomas como os indígenas ainda são falados por parte da população que é formada por uma mistura de índios, africanos e europeus, com destaque para os espanhóis.

Economia da Colômbia

Atualmente a Colômbia ocupa o quarto lugar entre as economias latino-americanas (levando-se em conta seu PIB), atrás de países como México, Argentina e Brasil, e é a sexta maior economia das Américas. Se analisada em escala mundial, o país ocupa o vigésimo nono lugar. Sua economia é bastante diversificada dividindo-se entre agricultura, extração de recursos minerais, infraestrutura, serviços e indústrias. É um dos países mais ricos em recursos minerais do continente sul-americano e grande exportador de petróleo e carvão, dos quais possui as maiores reservas da América Latina.

Na agropecuária destaca-se a criação de bovinos, ovinos, caprinos, suínos e aves e também por ocupar o primeiro lugar na produção de café em escala mundial, além de produzir culturas de milho, banana, algodão, tabaco e legumes diversos. Contudo, apesar dos ótimos níveis de exportação destes produtos, sua parte mais significativa está ligada com o narcotráfico que faz com que o país seja o principal processador das folhas de coca que vêm da Bolívia, Equador e Peru. O país é o principal exportador de cocaína para os Estados Unidos e o maior produtor de maconha do continente. Esta atividade alimenta cerca de 10 % de seu PIB e rende aproximadamente um valor de 6 bilhões de dólares anualmente.

Turismo

A Colômbia possui grande variedade em sua fauna e flora e tem sua paisagem marcada pela presença das Cordilheiras dos Andes, trazendo para si também boa parte da Floresta Amazônica, o que define a diversidade em tipos de solo, vegetação e clima por todo o país. Suas belezas naturais chamaram atenção para o setor do turismo e são atualmente exploradas pela indústria do ecoturismo que possuem destinos como o litoral do Caribe, Sierra Nevada de Santa Marta, Parque Nacional Natural Tayrona e o Vulcão Nevado Del Ruiz, entre outros.

Já nas regiões mais metropolitanas temos destinos populares como as cidades coloniais de Santa Fe de Antioquina, Villa de Leya, o Santuária de Las Lajas Sé, o Centro Histórico de Candelaria no centro de sua capital Bogotá, a cidade murada e no litoral as praias de Cartagena. Vários festivais típicos do país também servem de atração para diversos turistas, entre eles o Carnaval da Barranquilla, o Festival do teatro Ibero-Americano em Bogotá e Festival das Flores de Medellín.

Turismo na Colômbia

Da esquerda para direita, de cima para baixo as parias de Cartagena, o Centro Histórico de Candelaria, cidade colonial em Santa Fe de Antoquina e a Sierra Nevada de Santa Marta.| Foto: Reprodução


Reportar erro