Guerrilha e terrorismo

Empregada para definir grupos armados, a guerrilha e o terrorismo possuem significados distintos


Embora ambas as palavras sejam empregadas para definir grupos armados espalhados pelo mundo, podemos considerar que os termos estão ultrapassados e é preciso diferenciá-los.

A diferença consiste na forma em que as pessoas se intitulam. As pessoas podem até se intitularem como guerrilheiras, porém o termo terrorista pode ser usado equivocadamente pela mídia. O que diverge é: os terroristas, em prol de um objetivo, podem machucar e atingir pessoas inocentes, enquanto guerrilheiros tomam um extremo cuidado para atingir apenas seus inimigos.

Origem da guerrilha

A guerrilha nasceu em meados de 1900 e a hipótese é que essa estratégia tenha sido usada na Guerra Peninsular, essas técnicas foram passadas desde a antiguidade. No Brasil, há registros de que essa palavra apareceu por aqui por volta de 1600. O maior teórico a empregar as práticas com ações cem por cento efetivas foi o Mao Tse-Tung.

O que é uma guerrilha?

Uma guerrilha trata-se de uma técnica de resistência, que grupos pequenos empregam para derrubar o adversário. É formado por pessoas que portam arma, têm grande capacidade para esconder-se e armam emboscadas, dessa forma vão destruindo aos poucos o inimigo, que por regra, sempre é mais poderoso do que a guerrilha.

Guerrilha

Foto: Reprodução

Basicamente, sua tática consiste em resistir o maior tempo possível, roubar armas, selecionar os alvos, que sempre são os comandantes e matá-los de forma discreta, fazer reconhecimento de campo e das estratégias.

Guerrilha urbana

A guerrilha urbana tem seu método adaptado para as cidades e o modo de conseguir informações e armar emboscadas também sofreram alterações, comparando à guerrilha de antigamente. No Brasil, a guerrilha urbana foi comandada e criada por Carlos Marighela.

Como surgiu o terrorismo?

O terrorismo não se pauta em modelos governistas e seu interesse não é ganhar o apoio da população. Não tem uma data ou um local específico da onde tenha nascido, porém sabe-se que seu emprego foi utilizado na guerra e hoje em dia esse termo é muito usado para se referir as guerras de países como Irã e Iraque.

O que é terrorismo?

Terroristas

Foto: Reprodução

É quando a força bruta é empregada indiscriminadamente e sempre tem fins políticos ou religiosos. O maior objetivo é deixar o local atingido, em pânico e rendido. É comum seus ataques serem cruéis e chocantes. Eles não se importam em atingir inocentes.

Terrorismo atual

Hoje em dia, o terrorismo está concentrado no continente asiático e seu foco está entre os políticos e religiosos. Normalmente eles são subsidiados por pessoas que possuem dinheiro e grande influência.


Reportar erro